BUSCAR
BUSCAR
Medida
IFRN suspende temporariamente as inscrições do Exame de Seleção 2021
Inscrições realizadas até o dia 23 de dezembro serão mantidas. O processo classificatório e eliminatório e o preenchimento das vagas seriam realizados por meio de análise do Histórico Escolar
Redação
24/12/2020 | 13:50

Em nota publicada quarta-feira, 23, o Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN) suspendeu temporariamente as inscrições do processo seletivo para os cursos técnicos integrados ao ensino médio, conhecido como Exame de Seleção. Segundo o Instituto, o objetivo é resguardar os candidatos, uma vez que foi identificada necessidade de correção do Edital. Documento que havia sido publicado na segunda semana de dezembro definia que o processo seletivo seria realizado por meio de análise do histórico escolar dos estudantes.

As inscrições realizadas até o dia 23 de dezembro serão mantidas. O Comitê de Ensino, Formado pelos integrantes da Pró-Reitoria de Ensino (Proen) e pelos diretores acadêmicos dos campi, se reuniu nesta quarta-feira, 23, pela manhã para debater andamento de processos seletivos. A reunião foi presidida pelo novo pró-reitor de Ensino do Instituto, professor Dante Moura, nomeado nesta semana. O principal objetivo do encontro foi debater o andamento dos processos seletivos para cursos técnicos e a retomada do Programa de Iniciação Tecnológica e Cidadania (ProITEC).

Os integrantes do Coen deram início às discussões pela avaliação dos editais lançados para a seleção de estudantes aos cursos técnicos integrados, subsequentes e ProEJA (editais 29, 30 e 31/2020, respectivamente). Com gestão novamente do professor José Everaldo Pereira, a Coordenação de Acesso Discente (Cadis) apontou entraves na elaboração do documento que não permitem a sua plena execução.

Após debate, foi decidida a suspensão temporária das inscrições no processo seletivo para os cursos técnicos integrados ao ensino médio, que possuem um maior número de candidatos e poderia gerar um maior dano. Os diretores acadêmicos e integrantes da Proen vão trabalhar nos próximos dias nas correções necessárias ao documento e até a primeira quinzena de janeiro divulgarão as novas informações.

Já o Programa de Iniciação Tecnológica e Cidadania (ProITEC), que havia sido suspenso no dia 9 de novembro, será retomado. De acordo com José Everaldo, os livros de estudo e exercícios já estão disponíveis no Campus Natal-Zona Leste.

Nos próximos dias, a Cadis vai elaborar, junto ao Comitê Covid-19 IFRN e aos gestores dos campi, estratégias de distribuição do material que resguardem a segurança e proteção quanto à pandemia de Covid-19. Além disso, será elaborada uma nova forma de avaliação.

Uma nova reunião do Comitê de Ensino foi agendada, em caráter de urgência, para o dia 29 de dezembro, às 14h30.

Confira a nota na íntegra

A Pró-Reitoria de Ensino do IFRN anuncia a suspensão temporária, nos termos do art. 45, da Lei nº 9.784/99, das inscrições no PROCESSO SELETIVO PARA OS CURSOS TÉCNICOS DE NÍVEL MÉDIO NA FORMA INTEGRADA, EDITAL Nº 29/2020-PROEN/IFRN.

A suspensão deve-se à necessidade de rever a sistemática da seleção, para adequação eficiente e compatível com interesse público, uma vez que foram detectadas inconsistências que inviabilizam o pleno cumprimento do Edital no formato proposto.

Todas as inscrições realizadas até hoje, 23 de dezembro de 2020, serão mantidas, se os candidatos assim desejarem, independentemente das mudanças que possam vir a ocorrer.

Informa-se, ainda, que os ajustes necessários para que possamos garantir um processo seletivo democrático e o mais justo possível, mesmo com o cenário pandêmico que continuamos a vivenciar, serão publicizados até a primeira quinzena de janeiro de 2021. O IFRN reafirma o seu compromisso com a oferta da educação pública de qualidade e com a crença no poder transformador da educação.

Ingresso no IFRN seria por análise de histórico escolar

Os processos seletivos do IFRN para 2021 seriam em formato diferente dos últimos anos: o processo classificatório e eliminatório e o preenchimento das vagas seriam realizados por meio de análise do histórico escolar de estudantes que se inscreverem, com as observâncias específicas de cada edital.

Segundo a Coordenação de Acesso Discente (Cadis) do IFRN, a alteração no formato dos processos seletivos e no Exame de Seleção foi provocada pela pandemia do novo Coronavírus: “Em vista da segurança sanitária, que requer cuidados específicos, como evitar aglomerações para resguardar a saúde de estudantes, servidores, colaboradores e parceiros que se envolvem na realização dos processos seletivos, estamos convencidos que o ideal é não fazer provas presenciais como tradicionalmente o IFRN fazia”, disse Úrsula Brügge, coordenadora de Acesso Discente; em anos anteriores, o total de estudantes que fizeram a prova esteve próximo de 25 mil pessoas.

Úrsula acrescentou que a mudança conta com o apoio logístico do Instituto Federal da Paraíba: “Passamos a cogitar outros modelos de seleção que pudessem ser feitos de modo não presencial diante dos imensos desafios gerados pela pandemia de Covid-19, entre eles a organização de diretrizes para os processos seletivos diante de um cenário cheio de incertezas. Então, tivemos dois encontros presenciais com a equipe da Comissão Permanente de Concursos (Compec) do IFPB. Buscávamos a troca de experiências entre as instituições e o aprofundamento do estudo, por parte do IFRN, sobre a viabilidade de assumir esse formato de seleção, praticado pelo IFPB desde 2017”, disse.

NOTÍCIAS RELACIONADAS
Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.