BUSCAR
BUSCAR
Greve

IFRN suspende calendário de aulas em 20 campi por causa de greve de técnicos e professores

Suspensão do calendário acadêmico de aulas do IFRN segue recomendação elaboradora pelo Colégio de Dirigentes do Instituto Federal
Redação
09/04/2024 | 14:11


O Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN) anunciou a suspensão do calendário acadêmico de aulas deste ano em 20 de seus Campi, após recomendação elaboradora pelo Colégio de Dirigentes (Codir/IFRN) em reunião realizada nessa segunda-feira 8.

O Codir, composto por gestores sistêmicos e diretores-gerais dos campi, determinou datas distintas para cada a suspensão das aulas em cada unidade do Instituto, conforme avaliação do contexto local.

IFRN Salgado Filho (2)
Campus Central do IFRN, em Natal, teve calendário acadêmico suspenso a partir da terça 9 - Foto: José Aldenir/AGORA RN

O documento recomenda que os campi Caicó, Ceará-Mirim, João Câmara, Lajes, Macau, Mossoró, Natal-Centro Histórico, Natal-Zona Norte, Nova Cruz e São Paulo do Potengi suspendam o calendário acadêmico desde a segunda-feira, dia 8 de abril.

No caso das unidades em Canguaretama, Currais Novos, Jucurutu, Natal-Central, Parnamirim, Santa Cruz e São Gonçalo do Amarante, o calendário será suspenso a partir do dia 9 de abril.

Campus Parelhas suspenderá o calendário no dia 10 de abril e os campi Ipanguaçu e Pau dos Ferros no dia 15 de abril.

Por fim, o Campus Apodi e o Campus Natal-Zona Leste seguem com o calendário em andamento e haverá reavaliação após a realização de reuniões entre servidores.

Serviços essenciais

Durante a reunião, os representantes da Reitoria apresentaram as informações acerca da recomendação emitida pelo Colégio de Dirigentes (Codir) quanto à suspensão do calendário acadêmico nos campi do IFRN e ainda uma proposição inicial quanto ao rol de serviços que podem ser considerados como essenciais. “Usamos como base alguns documentos que podem servir de base para pensar esse escopo de atividades, destacando que nossa visão é sobre serviços e atividades essenciais e não sobre setores, por entendermos que um mesmo setor tem atividades que podem ser consideradas essenciais e outras que não”, destacou Lorena Faustino, diretora de Gestão de Pessoas do IFRN.

Após a apresentação da proposta, foi aberto espaço para diálogo e inclusão de serviços que fossem considerados essenciais pelo comando de greve. Alguns pontos foram levantados por integrantes da representação do Sindicato durante a reunião, como a indicação de perícias relativas à contratação de novos servidores e a concessão de pensões por morte, por exemplo. “Nós levaremos essa proposição ao comando de greve e depois retornaremos com a devolutiva do grupo”, informou Fernando Varella, representante do Sinasefe Natal.

Estudantes

Outro ponto que não estava previsto na pauta, mas foi levantado pela representação estudantil que participou da reunião, tratou sobre estudantes em situação de vulnerabilidade social que são atendidos pelos programas de alimentação escolar. A diretora de Atividades Estudantis (Digae), Valéria Oliveira, destacou que, nesse caso, existe um diálogo entre a Digae e profissionais nos campi no sentido de identificar casos de estudantes nessa situação e a busca de soluções para esses casos.

Encaminhamentos

Após deliberarem sobre os pontos de pauta, a representação do Sinasefe se comprometeu a levar a proposição sobre o rol de serviços essenciais para discussão junto ao comando de greve e uma devolutiva será encaminhada por meio de ofício para publicação de recomendação sobre o tema. Os representantes da Reitoria solicitaram celeridade nesse processo e a representação do Sindicato indicou que responderia ainda nesta segunda-feira. A próxima reunião da comissão está agendada para o dia 12 de abril.

NOTÍCIAS RELACIONADAS
Sargento da PM desaparece após salvar filho de afogamento em Pipa
O PM conseguiu resgatar seu filho, mas foi arrastado pelas águas
22/06/2024 às 18:07
Inmet emite aviso de acumulo de chuva para 80 cidades do RN
O alerta está vigente desde as 10h deste sábado 22 até as 23h59 deste domingo 23
22/06/2024 às 16:45
São João do Povo de Macaíba agita Cajazeiras com muito forró 
A multidão se emocionou ao relembrar clássicos do forró antigo com Socorro Lima e aproveitou os sucessos atuais de Renan Miranda
22/06/2024 às 16:02
Fã potiguar entrega a Bruno e Marrone carta com mais de 500 metros e quase 5 kg
O encontro ocorreu nesta sexta-feira 21 antes do show no evento "Mossoró Cidade Junina"
22/06/2024 às 14:31
Mossoró conquista 1º lugar no prêmio Band Cidades Excelentes
Mossoró foi mais uma vez a grande vencedora do Prêmio Band Cidades Excelentes, obtendo o primeiro lugar geral e ainda a posição de município que mais evoluiu em Saúde no RN
22/06/2024 às 11:11
Empreendimento Ilhas do Caribe, com 496 apartamentos, é entregue em Parnamirim
Moradores realizam o sonho da casa própria após 14 anos de espera. Foram investidos R$ 42 milhões
22/06/2024 às 09:14
Professores se reúnem com reitor da UFRN para discutir volta ao trabalho
Calendário acadêmico passará por ajustes após 59 dias de paralisação
22/06/2024 às 08:06
CGU revela que 40 servidores da UFRN receberam valores acima do teto constitucional
A universidade informou que está colaborando com a apuração e notificou os servidores a prestar esclarecimentos
21/06/2024 às 21:01
MPRN pede execução de TAC para implementação do Complexo Cultural da Rampa
Caso está relacionado com a não criação do Museu da Rampa e da Segunda Guerra Mundial
21/06/2024 às 17:07
EALRN realiza o III Encontro dos Representantes das Escolas do Legislativo do RN
Imersão contou com a participação de quase 200 pessoas, sendo em média 150 vereadores
21/06/2024 às 16:47
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.