BUSCAR
BUSCAR
RN

Governo do RN decreta emergência e determina monitoramento para prevenção de gripe aviária

O governo estadual explicou que o decreto segue as diretrizes do governo federal e que, até o momento, não foram registrados casos da doença no Rio Grande do Norte
Redação
19/10/2023 | 05:58

O Rio Grande do Norte decretou, na quarta-feira 18, um estado de emergência zoossanitária devido ao risco de disseminação da Influenza Aviária de Alta Patogenicidade, popularmente conhecida como gripe aviária. A governadora Fátima Bezerra determinou também a implementação de um Sistema de Monitoramento, Avisos e Ações para prevenir a ocorrência da doença.

O governo estadual explicou que o decreto segue as diretrizes do governo federal e que, até o momento, não foram registrados casos da doença no Rio Grande do Norte. No documento que oficializa o estado de emergência, o governo destaca que a medida leva em consideração os protocolos sanitários estabelecidos no país desde maio deste ano, quando foi detectada a presença do vírus da Influenza Aviária H5N1 de alta patogenicidade (IAAP) em aves silvestres no Brasil. Entretanto, não foram confirmados casos no Rio Grande do Norte.

governoFocos de gripe aviária sobe. Foto: Reprodução.
Não foram confirmados casos no Rio Grande do Norte - Foto: Reprodução

Conforme as normas do Ministério da Agricultura, foi determinada a suspensão, em todo o território nacional, de exposições, torneios, feiras e outros eventos que envolvam a aglomeração de aves. Além disso, a criação de aves ao ar livre, com acesso a áreas sem proteção superior, também está temporariamente suspensa.

O decreto estadual estabelece que o Instituto de Defesa e Inspeção Agropecuária do Rio Grande do Norte (Idiarn), em coordenação com a Secretaria de Agricultura e outras entidades, deverá atuar prontamente na eliminação de qualquer foco da doença, visando minimizar os custos e os impactos para o setor produtivo. Além disso, o Idiarn e o Comitê Estadual de Enfrentamento à Influenza Aviária de Alta Patogenicidade serão responsáveis por conduzir atividades de comunicação, coleta de informações e fornecimento de orientações junto às secretarias municipais de agricultura e aos órgãos que lidam com questões de saúde animal nos municípios.

O estado de emergência terá uma validade de 180 dias. Em maio deste ano, o Rio Grande do Norte realizou análises em mais de vinte aves encontradas mortas no litoral, mas nenhuma delas estava infectada com a gripe aviária. No entanto, no Brasil como um todo, até o final de semana, já haviam sido confirmados 127 casos da doença.

Demitido da Petrobras, Prates terá direito a 6 meses de salário extra
Demitido da Petrobras, Jean Paul Prates terá de cumprir seis meses de quarentena, com salário mensal de R$ 133 mil até novembro
21/05/2024 às 15:55
Faustão faz primeira aparição após transplante de rim
Apresentador participou da festa de aniversário do filho caçula
21/05/2024 às 14:23
Batata, banana, laranja e melancia estão mais baratas, segundo a Conab
Cenário é de preço menor também para a banana
20/05/2024 às 12:54
Seguro obrigatório voltará a ser pago em 2025
Nova taxa prevê pagamento de serviços médicos a vítimas de acidentes
17/05/2024 às 14:58
Analfabetismo cai, mas 11,4 milhões ainda não sabem ler e escrever no Brasil, diz IBGE
Em 13 anos, taxa teve uma redução de 2,6 pontos percentuais, caindo de 9,6% para 7%
17/05/2024 às 14:43
Após tratamento para erisipela, Bolsonaro tem alta de hospital
Ex-presidente estava internado no Hospital Vila Nova Star, São Paulo
17/05/2024 às 13:04
Caixa começa a pagar Bolsa Família de maio
Pagamento no Rio Grande do Sul é unificado
17/05/2024 às 12:08
Lula sanciona volta da cobrança do seguro Dpvat, mas veta multa por não pagamento
Presidente vetou os artigos que estabeleciam multa pela falta de pagamento do Seguro Obrigatório
17/05/2024 às 12:00
Judiciário repassa R$ 130 milhões para Defesa Civil gaúcha
Tribunal de Contas deverá fiscalizar aplicação dos recursos
16/05/2024 às 16:48
Android terá ‘modo ladrão’ que bloqueia tela do celular caso alguém o arranque de sua mão
Novidade poderá bloquear a tela do celular ao identificar que alguém arrancou o aparelho de sua mão abruptamente
16/05/2024 às 15:41
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.