BUSCAR
BUSCAR
Opinião

Governo Fatima precisa ter uma base mais sólida; leia opinião do Agora RN

Leia opinião do Agora RN
Redação
07/12/2023 | 07:20

As articulações com os deputados estaduais não vêm sendo tão proveitosas como em governos anteriores. O Governo Fátima Bezerra precisa mudar a tática e observar que o modelo ficou obsoleto. Em agosto, a governadora nomeou um novo secretário extraordinário de Gestão e Projetos Especiais: Adriano Gadelha. Seria justamente para melhorar o relacionamento com as instituições e os municípios. Os prefeitos estão cansados do modelo de serem atendidos e sem respostas. 

Essa semana, por duas vezes, o Governo não consegue sequer o quórum para apreciar o recurso que trata sobre o parecer terminativo do projeto do ICMS para manter em 20%. Pelo regimento, precisa de quórum de 13 deputados para ser votado e o prazo limite para apreciação é hoje. Especula-se que o placar aponta para 14 votos contrários e 10 favoráveis à manutenção na alíquota. Por estratégia, a oposição também não deu quórum para a abertura da sessão e análise do recurso. Nos bastidores, emendas parlamentares tanto da base como da oposição não foram sequer liberadas compromissos de novembro. No interior, o PT tomou conta dos espaços de segundo e terceiros escalações. Somente os deputados Francisco do PT, Isolda Dantas e Divaneide Basílio não reclamam de terceirizados, por exemplo.

Governo Fatima precisa ter uma base mais sólida. Foto: Reprodução
Governo Fatima precisa ter uma base mais sólida. Foto: Reprodução

SEM ACORDO

A bancada de oposição na Assembleia Legislativa vai tocar fogo e não aceita sequer falar em recomposição da alíquota do ICMS para o baixar de 20%, para 19.5 ou 19%. O Governo sofrerá uma grande derrota, caso insista nesse projeto.

OBSERVATÓRIO

Se Fátima não conseguir recursos extras com o seu padrinho, presidente Lula da Silva o seu Governo pode entrar os primeiros meses de 2024 totalmente inviabilizado. Em reunião com sindicalistas na Governadoria, essa semana, o secretário estadual de Administração, Pedro Lopes, admitiu que sem aprovação do ICMS em 20%, o Governo não aguenta abril para atrasar os salários

RECURSOS

Enquanto o Rio Grande do Norte vive caos financeiro, após dois dias de intensos debates, os deputados estaduais paulistas votam hoje a privatização da Sabesp (Companhia de Saneamento Básico de SP), projeto do Governo Tarcísio de Freitas (Republicanos). Lá também há insatisfações da própria base de Tarcísio, que reclama de falta de articulação com o Legislativo. A base contava até 60 votos favoráveis dos 94 deputados da casa, nas expectativas mais otimistas. E só precisa de 48 votos para aprovar.

ESCONDENDO JOGO

Empolgado com a sessão solene em homenagem a Natal, o ex-prefeito Carlos Eduardo Alves (PSD) antecipou na 98 FM, que ele e Paulinho Freire iriam “marchar juntos nas eleições do próximo ano”. Carlos sendo Carlos, e não aguardando a declaração do dirigente da União Brasil. Que isso caminha para esse fim, ninguém na Câmara Municipal do Natal tem dúvidas. O grande problema foi a reação do próprio Paulinho Freire, que desmentiu Carlos Eduardo: “não existe parceria fechada com o ex-prefeito de Natal”. O tempo vai dizer se sim ou se não. Mas, a declaração dada deixa a desejar.

CARA PÁLIDA

Com a afirmação de Paulinho Freire de que não há nada fechado com Carlos Eduardo, ele deixa o pré-candidato do PSD e líder nas pesquisas sem jeito. Dia desses, foi a esposa do deputado, vereadora Nina Souza que descartou ser vice de Carlos. Nos bastidores, Paulinho fechou questão, mas de público não. Esperar mais para frente?

FAIXA DE GAZA

Um grupo bolsonarista que faz oposição ao Governo Lula pegou voo para o Oriente Médio. A comitiva chegou em Tel Aviv, capital de Israel ontem e fica até este sábado. A delegação conta com o senador Alexandre Giordano (MDB-SP) e os deputados Sargento Gonçalves (PL-RN) e Carla Zambelli (PL-SP). Os parlamentares vão visitar hoje locais atacados no conflito.

PARLAMENTAR DO ANO

O Comitê de Imprensa da Assembleia Legislativa escolheu ontem, o deputado estadual Dr. Bernardo (PSDB) como o Parlamentar do Ano, com 22 votos. Este ano estavam aptos a votar 40 profissionais da imprensa. Desses, 37 compareceram. A solenidade de entrega da placa ao homenageado ocorre no próximo dia 15. 

SENADO 

Os relatores das indicações de Lula da Silva (PT) ao Supremo Tribunal Federal, Flávio Dino, e à Procuradoria-Geral da República, Paulo Gonet, fizeram a leitura de seus pareceres favoráveis aos nomes, na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado ontem. Não houve discussão após a leitura, e a sabatina e a votação ocorrerão na quarta-feira da semana que vem.

NOTÍCIAS RELACIONADAS
Supremo decide que FGTS deve garantir correção pelo IPCA
Proposta não será aplicada a valores retroativos
12/06/2024 às 18:41
Ministro do Turismo sai em defesa de Juscelino Filho, indiciado por corrupção
Celso Sabino comparou o caso do ministro das Comunicações com o de outras pessoas, sem citar nome ou partido
12/06/2024 às 18:31
Margem equatorial: “perdemos 10 anos”, lamenta presidente da Petrobras
Estatal prepara apresentação para convencer área ambiental do governo
12/06/2024 às 18:18
Polícia prende homem por furtar mais de R$ 500 mil em mercadorias de supermercado em Natal
Suspeitos colocavam as mercadorias nos carrinhos de compras, passavam pelo caixa e não pagavam; crimes eram realizados com o apoio de um funcionário
12/06/2024 às 17:59
Veja como aproveitar o “Mossoró Cidade Junina” nesta quarta-feira
Programação cultural tem sequência nos polos Antônio Francisco, Circo do Forró e na Cidadela
12/06/2024 às 17:02
Embalagem de bolo usada em bebê salvou sua vida, diz médica
Bebê estava em um estado crítico, e caso não improvisasse o capacete de oxigênio ele poderia ir a óbito
12/06/2024 às 16:48
Dólar bate R$ 5,43 após Lula criticar mercado e desgaste gerado por MP
Dólar tem maior cotação desde dezembro de 2022
12/06/2024 às 16:37
Prefeitura de Natal negocia débitos com classe artística
Ficou acertado um cronograma de pagamentos que começou este mês e segue até julho
12/06/2024 às 16:24
CCJ aprova incluir na Constituição criminalização do porte de drogas
PEC foi aprovada na Câmara por 47 votos favoráveis e 17 contrários
12/06/2024 às 16:14
Polícia Civil prende mulher condenada por tentativa de homicídio no RJ; prisão aconteceu em Campo Redondo
Prisão ocorreu em decorrência de uma sentença expedida pelo TJRJ
12/06/2024 às 15:55
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.