BUSCAR
BUSCAR
Opinião
Outros governadores enfrentam resistência para aumentar ICMS; leia a coluna Bastidores
Praticamente quase os 20% hoje proposto pelo Rio Grande do Norte
Redação
29/11/2023 | 08:22

Engana-se quem pensa que apenas a governadora Fátima Bezerra (PT) enfrenta resistência na Assembleia Legislativa para aprovar a manutenção do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) em 20%. Governadores de seis estados do Sul e Sudeste, inclusive bolsonaristas como Cláudio Castro (Rio de Janeiro), Tarcísio de Freitas (São Paulo), Romeu Zema (Minas Gerais) e Ratinho Júnior (Paraná), estão com dificuldades para aumentar a alíquota de 18% para 19,5%.

Uma carta divulgada na semana passada por secretários desses estados e também de Espírito Santo e Rio Grande do Sul não explicita o percentual de aumento, mas os governadores devem confirmar a proposta de de 19,5%. Praticamente quase os 20% hoje proposto pelo Rio Grande do Norte.

Antes, cinco estados nordestinos já haviam aumentado o ICMS: Bahia, Ceará, Paraíba, Pernambuco e Rondônia. Em Pernambuco, a governadora Raquel Lyra (PSDB) conseguiu reajustar o imposto, mas o aumento elevou a tensão entre os parlamentares e o governo, dando início a uma série de embates em sua gestão.

CONFIRMADO

Além da agenda no Holliday Inn, o ex-presidente Jair Bolsonaro confirmou presença na solenidade em homenagem ao Dia do Motociclista, na Assembleia Legislativa, nesta quinta-feira 30, às 14h. Ele também será um dos homenageados. A propositura é do deputado estadual Coronel Azevedo (PL).

JANTAR

Aliás, um jantar vem sendo organizado pela equipe do senador Rogério Marinho (PL) para receber Bolsonaro no Rio Grande do Norte. Tudo ainda em sete chaves.

CHUVAS

Em virtude das fortes chuvas, o prefeito Álvaro Dias suspendeu as aulas de ontem e montou comitê para acolher todos os desabrigados. A Defesa Civil segue monitorando a situação, e a STTU ontem foi organizar o trânsito e resolver problemas em semáforos. O boletim publicado pela Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (Emparn) apontou que houve, em 24h, o registro de números surpreendentes de chuva. Em Natal, choveu 194.9mm. Para se ter uma ideia, 200 milímetros significam 200 litros de água por metro quadrado.

EXPECTATIVA

A direita raiz potiguar aguarda uma defesa do nome do deputado federal General Girão por parte do ex-presidente Jair Bolsonaro neste fim de semana. O líder do PL vem a Natal cumprir agenda de dois dias, e defende em todo Brasil candidatura própria do PL nas maiores cidades do país.

CEARÁ-MIRIM

O prefeito Júlio Cesar (PSD) anunciou seu primo Antônio Henrique (PSD) como nome do seu sistema para concorrer a prefeito de Ceará-Mirim no próximo ano. Assessor do deputado federal Robinson Faria (PL), Antônio é filho da cidade e morou com o primo-prefeito por quase 20 anos na Praça Barão, de onde saiu para estudar. O nome escolhido também conhece os caminhos necessários em Brasília para buscar recursos e dará continuidade ao trabalho de Júlio César. O adversário será o vice-prefeito Marcílio Dantas (PP), que rompeu com a gestão no ano passado.

Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.