BUSCAR
BUSCAR
Governadora Rosalba Ciarlini presta últimas homenagens a Manoel Torres

17/01/2012 | 00:21

Ao som da música “Bandeira Branca”, notoriamente conhecida por ser a música preferida de Manoel Torres, o cortejo saiu da catedral de Nossa Senhora Santana no final da tarde desta segunda-feira (16) e seguiu pelas ruas de Caicó em direção ao cemitério Campo Jorge sob emocionadas manifestações de carinho da população, que prestava as últimas condolências agitando bandeiras, lenços e panos brancos ou verdes em homenagens ao ex-prefeito e ex-deputado.

“Manoel Torres deixa lições de responsabilidade, ética, honestidade, lealdade e altivez. Posso comparar esse homem à fibra do algodão, suave no trato e ao mesmo tempo de natureza forte. Em 2006 tive o apoio dele para minha vitória ao senado e depois para minha chegada ao governo do RN. A opinião de Manoel Torres sempre foi muito importante para todos os seridoenses e ele sabia expressá-la de maneira firme, sem, no entanto, fazer inimigos ou perder amizades. Realmente não tenho palavras para expressar o quanto aprendi no convívio com Manoel Torres, seus ensinamento e conselhos preciosos seguirão sempre comigo”, disse a governadora Rosalba Ciarlini.

A governadora Rosalba Ciarlini rezou junto com a população, políticos e autoridades nas últimas homenagens de adeus que foram feitas para Manoel Torres durante a missa de corpo presente celebrada na Catedral de Sant’Ana. A cerimônia foi presidida pelo pároco Monsenhor Edson Medeiros, e concelebrada por diversos párocos da diocese.

O deputado federal Henrique Eduardo Alves destacou que a data ficará registrada com pesar na história política do Rio Grande do Norte. “Não existem mais, em todo o Brasil, homens tão justos e tão íntegros como foi Manoel Torres. Estamos aqui não para homenagear, mas para agradecer tudo o que ele fez por nós”, declarou.

O presidente da Assembleia Legislativa, Ricardo Motta, reafirmou o pesar em que se encontra o estado. “Trago a solidariedade e o reconhecimento do poder Legislativo estadual pela importância e o bom homem público que foi Manoel Torres” disse Motta.

Deputado Estadual, Prefeito e Vice-Prefeito de Caicó e Suplente de Senador, Manoel Torres de Araújo exerceu seus mandatos como um serviço a Caicó, ao Seridó, ao Rio Grande do Norte e ao Brasil. Ele morreu aos 93 anos na manhã do último domingo (15).

Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.