BUSCAR
BUSCAR
Mensagens
Golpistas que negociavam compra de vacinas já festejavam ‘último dia de pobre’
Revista Veja aponta que mensagens no celular do operador da Davati, Luiz Paulo Dominguetti mostram que o dinheiro das vacinas já tinha destinos luxuosos definidos
IG
07/07/2021 | 14:10

Mensagens do celular do policial militar e operador da Davati, Luiz Paulo Dominguetti , em poder da CPI da Covid, revelam como os golpistas que tentavam vender supostas vacinas ao governo Bolsonaro já sonhavam com uma vida luxuosa e longe da “pobreza”.

Reveladas pela revista Veja, mensagens recebidas no dia 15 de março pelo operador da Davati mostram o clima de comemoração entre os parceiros: “Bora reservar o jaguar e uma casa em Brasília. kkkkk…”, escreve o próprio Dominguetti a um interlocutor identificado como “Amauri Vacinas Embaixada”.

Amauri responde: “Já te falei que não quer Jaguar”, diz o interlocutor enviando, na sequência, uma foto de outro caro importado de luxo. Um link com anúncio de carro também é enviado, o que evidencia que os golpistas já sabiam como gastar o dinheiro das vacinas.

Em outra troca de mensagens de Dominguetti, dessa vez com um interlocutor identificado como “Andrei Compra Vacina”, o grito era de libertação. “Últimos dias de pobre! kkk”, diz o interlocutor.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - redacao@agorarn.com.br
Comercial: (84) 98117-1718 - publica@agorarn.com.br
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.