BUSCAR
BUSCAR
Presa
Flordelis tem visita de companheiro barrada e está abatida na prisão
Advogada diz que a ex-deputada está triste, ansiosa pelo julgamento de seus recursos, mais magra e com dificuldade para comer e dormir
Metrópoles
20/09/2021 | 08:17

Com o companheiro, o produtor de artistas gospel Allan Soares, de 25 anos, barrado para visita pela Secretaria de Administração Penitenciária (Seap), a ex-deputada federal Flordelis dos Santos Souza, 60 anos, está abatida no Instituto Penal Talavera Bruce, no Complexo de Gericinó, em Bangu, zona oeste.

“Muito injusto não deixá-lo entrar, pois ele tem união estável com ela. Em outros presídios, companheiros entram livremente”, protesta a advogada Janira Rocha, que esteve com a ex-parlamentar na cadeia na sexta-feira 17. Soares foi apresentado à família em fevereiro no aniversário de 60 anos da pastora.

Flordelis está presa desde 13 de agosto. Ela é acusada pelo Ministério Público de ser a mandante do assassinato do marido, o pastor Anderson do Carmo, em 2019. A ex-deputada alega inocência, mas por ordem da Justiça vai para o banco dos réus na 3ª Vara Criminal de Niterói com mais nove acusados e será submetida a júri popular.

“Triste, agoniada com a prisão, ansiosa com os julgamentos de seus recursos, normal. Mais magra, abatida, dormindo mal e com dificuldades de comer, normal”, disse ao Metrópoles a advogada Janira.

No próximo dia 28, a 2ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça vai julgar recurso contra a decisão que levou Flordelis ao tribunal do júri e analisar um pedido de liberdade.

Dificuldade financeira

De acordo com Janira, desde que a pastora foi presa, três pedidos de visita foram negados e outros cinco estão sob análise pela secretaria. “Me parece que a mãe e a irmã também iriam tentar fazer a carteira. Nem todos poderiam fazer, pois os custos para ir lá são altos, e a família está com muita dificuldade financeira”, explica a defensora da ex-parlamentar.

A advogada, no entanto, sustenta que Flordelis, que declara ter mais de 50 filhos, não está desamparada. “Os filhos vão lá duas vezes por semana levar a custódia, mas estão proibidos de visitar”, pontuou. Custódia é quando parentes levam produtos a pedido do preso, como itens de higiene pessoal e comida.

Flordelis costuma pedir biscoitos doces Maria, seus prediletos. Procurada, a Seap ainda não se manifestou.

O crime

Cassada pelo Parlamento, Flordelis responde por homicídio triplamente qualificado por motivo torpe, emprego de meio cruel e de recurso que impossibilitou a defesa da vítima, tentativa de homicídio, uso de documento falso e associação criminosa armada.

De acordo com as investigações, o pastor Anderson do Carmo foi emboscado quando chegava em casa no bairro do Badu, em Niterói, Região Metropolitana do Rio. Ele foi atingido por mais de 30 tiros.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.