BUSCAR
BUSCAR
Acidente
Vídeo: Família é atropelada por motociclista e bebê de oito meses ficou internado em UTI, em Natal
O caso aconteceu no último sábado 11; a criança já recebeu alta da UTI para a enfermaria e encontra-se estável
Redação
15/11/2023 | 16:58

Após uma família ser atropelada por um motociclista no bairro Planalto, Zona Oeste de Natal, no último sábado 11, um bebê de oito meses foi internado em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em Natal. A família estava caminhando pelo acostamento da Rua Paracati, quando o caso aconteceu.

O pai e a mãe caminhavam com dois filhos, um de 2 anos, que estava no carrinho, e o bebê de oito meses, que estava no colo da mãe, conforme mostram imagens de uma câmera de segurança que gravou o acidente. O motociclista vinha na mesma direção que a família, em uma parte da rua sem iluminação e, supostamente, não enxergou as vítimas e acabou os atropelando.

A mãe foi arrastada pela motocicleta e, consequentemente, o bebê que estava em seu colo foi arremessado para cima e caiu. Segundo pessoas que testemunharam o ocorrido, a criança teve diversas paradas cardíacas ainda no local e foi reanimada por uma enfermeira que morava próximo da região e, sem seguida, o bebê foi socorrido no Hospital Monsenhor Walfredo Gurgel, na zona Leste de Natal, onde foi internada na UTI.

Durante esta terça-feira 14 o bebê recebeu alta da UTI e foi transferido para enfermaria, onde se encontra estável e em observação. O pai e a outra criança tiveram leves escoriações. A mãe sofreu alguns ferimentos, mas não precisou ser internada e acompanhou o bebê ao hospital. Em relato, uma parente da família informou que o motociclista quebrou a clavícula e também está internado.

A Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU) comunicou que “equipes de manutenção viária estiveram no mês de julho deste ano trabalhando na sinalização horizontal e vertical da Rua Paracati, no Planalto”.

A pasta informou que irá direcionar uma equipe de engenharia para analisar a situação do local do acidente e solicitou que “a população respeite os limites de velocidade para que possamos reduzir cada vez mais o número de acidentes”.

Veja o vídeo:

Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.