BUSCAR
BUSCAR
Capacitação
Escola do Legislativo da Câmara de Natal celebra 15 anos de existência
Ao longo dos anos, foram diversos cursos de capacitação, mesas redondas, especializações e muitas outras modalidades, trazendo temas que incluem até a capacitação para comunicadores em marketing digital
Redação
14/12/2020 | 11:27

No universo do legislativo municipal, quem está debutando é a Escola do Legislativo da Câmara Municipal de Natal Wilma de Faria, criada em 9 de dezembro de 2005, e que traz durante seus 15 anos de vida um legado de realizações, capacitações, palestras e iniciativas que visam, em sua totalidade, capacitar os servidores da CMN para que exerçam suas funções com ainda mais dedicação, comprometimento e aperfeiçoamento, em nome do cidadão natalense para sua melhor qualidade de vida e acesso a direitos.

Fundada pela Resolução nº 338/2005, da Mesa Diretora da Câmara Municipal, a então Escola “Miguel Arraes” (seu primeiro nome) foi a primeira Escola do Legislativo de capital do Brasil, um marco importante para toda sociedade natalense e, particularmente, para os servidores da Câmara Municipal de Natal.

Por isso, a Câmara Municipal tem uma ação efetiva quando tratamos do quesito educação. “Este ano, a Escola do Legislativo completa 15 anos e isto é um marco na sua história. Quantas discussões dentro desta instituição já aconteceram e que se transformaram em pautas importantes para a cidade do Natal, por isso tem uma enorme contribuição ao legislativo municipal”, enfatizou o presidente da Câmara Municipal de Natal, vereador Paulinho Freire (PDT).

Dentro das instalações, a Escola do Legislativo Wilma de Faria atua diretamente com trabalhos de temáticas modernas, atrativas e dinâmicas. Ao longo dos anos, foram diversos cursos de capacitação, mesas redondas, especializações e muitas outras modalidades, trazendo temas que vinham desde o processo legislativo, como também a capacitação para comunicadores de como agir no novo universo do mundo do marketing digital.

Se adaptando dia após dia ao que a realidade nos pede, no ano de 2020, em plena pandemia, a Escola do Legislativo inovou e não se deu por vencida. Em parceria com a TV Câmara, deu início a uma série de palestras e mesas-redondas e lançaram nas plataformas digitais o programa “Momento Atual”.

A proposta é trazer para a sociedade temas relevantes, mas que tenham relação com os assuntos do momento, como a qualidade de vida durante a pandemia do coronavírus, tudo completamente à distância.

“Hoje, a escola vem prestando um relevante serviço aos parlamentares, servidores e população em geral com uma educação profissional de qualidade. Palestras, eventos televisivos e lives com profissionais de gabarito e eventos virtuais estão sendo desenvolvidos neste ano, levando informações importantes sobre temas voltados para saúde, educação e cultura” explicou o diretor-geral da CMN, Francisco Dagmar Fernandes.

Dentre os diversos cursos que são ofertados anualmente pela instituição, os objetivos são os mais variados, assim como subsidiar os mandatos dos vereadores ou atualizar servidores para melhor atendimento ao público. Durante todo o ano legislativo os cursos não param de acontecer e têm uma adesão maciça dos membros da Casa.

“Isso para que possamos atingir a comunidade de uma forma geral, levando a democracia, a ética e a cidadania para que as pessoas participem do universo Legislativo. Daqui saem as Leis e é onde o povo deve ter suas necessidades atendidas. Nós também temos a política de fazer com que as ferramentas de gestão sejam colocadas em prática dentro da estrutura da Câmara Municipal”, explicou o diretor da escola, Rafael Jácome.

A escola é conveniada à Associação Brasileira das Escolas Legislativas e de Contas (Abel), que congrega as instituições do Senado, Câmara dos Deputados, Assembleias Legislativas e Câmaras Municipais, promovendo o intercâmbio de informações e projetos desenvolvidos em todo território nacional.

O Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) autorizou, nesta semana, a intervenção no imóvel histórico, adquirido pela Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, na atual gestão, para a construção do Memorial do Legislativo. O prédio está situado na Avenida Câmara Cascudo, na Cidade Alta, e será mais um instrumento do Legislativo para preservação da cultura e da história potiguar.

Para iniciar as obras no local, havia a necessidade de atender as normas de preservação do Iphan, já que se trata de um patrimônio histórico, por isso que a Casa Legislativa fez o pedido ao órgão, que, por sua vez, deu autorização, conforme atendidas as exigências apontadas. Com isso, já é possível instalar procedimento licitatório para a execução das obras.

“A criação de espaços de preservação de memória pelo Poder Público é imprescindível para a compreensão da história. O Memorial do Legislativo Potiguar busca valorizar, portanto, principalmente a história do Poder Legislativo do Rio Grande do Norte, particularmente no papel social da Casa Legislativa no desenvolvimento da cidadania”, destaca o presidente da Casa, deputado Ezequiel Ferreira (PSDB).

O Memorial do Legislativo Potiguar foi implantado, por meio da Resolução 055/2009 e está instalado na sede da Assembleia Legislativa. De acordo com Aluísio Lacerda, chefe de Divisão do Memorial da Cultura e do Legislativo Potiguar, os profissionais do Memorial, em parceria com o Governo do Estado, serão treinados em museologia para estarem capacitados a exercer o trabalho no local.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.