BUSCAR
BUSCAR
Crime
‘Empresários do crime’, diz MP sobre empresa de Renato Cariani investigada por tráfico de drogas
Influenciador fitness é sócio de estabelecimento alvo de operação da Polícia Federal
O Dia
12/12/2023 | 12:31

O influenciador fitness Renato Cariani é alvo de uma operação da Polícia Federal contra o tráfico de drogas, realizada na manhã desta terça-feira (12). Com mais de sete milhões de seguidores em suas redes sociais, o empresário é sócio do estabelecimento investigado.

De acordo com informações, o pedido de prisão de Cariani foi negado pela Justiça.

“Quantidade de produto químico desviado por grupo ligado a Renato Cariani era suficiente para produzir 15 toneladas de crack”, diz o processo que o repórter Bruno Tavares, da “GloboNews”, teve acesso.

Ainda segundo o veículo, a fábrica investigada teria sido usada para simular a compra de empresas idôneas de compostos químicos que deveriam ser usados para medicações, mas que estavam sendo repassados para o tráfico.

Localizada em Diadema, na Grande São Paulo, a empresa Anidrol é acusada de desviar produtos químicos usados na produção de cocaína e crack. Segundo apuração do jornalista da “GloboNews”, o Ministério Público se refere a Renato Cariani e seus sócios como “verdadeiros empresários do crime”.

NOTÍCIAS RELACIONADAS
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.