BUSCAR
BUSCAR
Em Natal, PSD reúne mulheres de todo o Nordeste para discutir participação feminina na política

30/11/2014 | 11:25

O papel da mulher na política e na sociedade foi discutido na manhã de ontem no Encontro Regional do PSD Mulher – Região Nordeste, realizado em Natal. Com a presença de mais de 100 mulheres representantes de todos os estados nordestinos, o evento contou com a participação das coordenadoras nacional e estadual do PSD Mulher, Alda Marco Antônio e Julianne Faria, respectivamente.

Com menos de três anos de criação, o PSD está estruturando seus segmentos partidários e, por isso, as coordenações de mulheres estão se organizando e se estabelecendo em todo o País. A ideia é que, até março do próximo ano, sejam implantados os diretórios das mulheres em todos os municípios onde já existam diretório ou comissão provisória do partido.

Para isso, as participantes do encontro regional têm a responsabilidade de reproduzirem o evento em seus estados de origem para dar início ao trabalho de implantação do segmento feminino do PSD nos estados e municípios. “As mulheres são apenas 10% das filiações partidárias e 10% do total de candidatos eleitos. Ainda é muito pouco. Precisamos incentivar a entrada da mulher na política”, ressalta Alda Marco Antônio.

A coordenadora de Mulheres do PSD-RN, Julianne Faria, destacou o papel pioneiro das mulheres potiguares, como Alzira Soriano, a primeira mulher eleita prefeita no Brasil, em 1928, no município de Lajes. “As mulheres têm papel fundamental na política e na sociedade, mas ainda participam pouco. Temos que nos inspirar nessas guerreiras potiguares que também são responsáveis por abrir caminho para nós”, destacou Julianne Faria.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.