BUSCAR
BUSCAR
Violência
Dois homens são mortos em frente a mesmo presídio em um intervalo de cinco horas
Um detento foi assassinato às 7h da manhã e outro preso foi morto no início da tarde em frente Centro de Prrogressão Penitenciária
Correio Braziliense
05/02/2021 | 17:36

Dois homens foram mortos nesta sexta-feira, 5, em um intervalo de cinco horas em frente ao Centro de Progressão Penitenciária (CPP) que fica no Setor de Indústria e Abastecimento (SIA), em Brasília. Ivan Nunes da Costa foi morto no início da tarde, menos de cinco horas depois do assassinato de outro detendo no mesmo local.

Por volta das 7h, Valdemir da Silva Santos, 36 anos, morreu baleado quando saía do presídio para trabalho externo. Valdemir entrou em um Golf prata e, em seguida, foi baleado por criminosos. Até a última atualização dessa reportagem, ninguém havia sido preso.

O CPP é destinado aos presos que cumprem pena no regime semiaberto. Segundo informações preliminares da investigação, o custodiado também saía da unidade prisional para trabalhar. Dois suspeitos de cometerem o homicídio foram presos por policiais penais e militares na tarde desta sexta-feira.

Em nota, a Secretaria de Administração Penitenciária do Distrito Federal (Seape/DF) informou que o reeducando Valdemir faleceu por volta das 7h, vítima de homicídio. “Ressalte-se que o referido crime ocorreu na parte externa à unidade prisional, no momento em que ele se deslocava para o trabalho – benefício concedido pela Vara de Execuções Penais (VEP/TJDFT) a presos do regime semiaberto”, esclareceu a pasta.

Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.