BUSCAR
BUSCAR
Municipalismo
Disputa pela presidência da Femurn já tem três candidatos
Entidade, que representa as 167 prefeituras do RN, é comandada por Naldinho, prefeito de São Paulo do Potengi, que deverá disputar próxima eleição com Luciano Santos (Lagoa Nova) e Babá (São Tomé
Redação
27/11/2020 | 07:47

Desde que foi reeleito no município de Lagoa Nova, a 156 Km de Natal, o prefeito Luciano Santos (MDB) começou a ligar para todos os prefeitos eleitos e reeleitos pela sua legenda, que são 39 ao todo, para comunicar sua disposição de disputar a presidência da Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte (Femurn), entidade que representa as 167 prefeituras do Estado.

Hoje, o cargo é ocupado por José Leonardo Cassimiro de Araújo, o Naldinho, prefeito de São Paulo do Potengi, em fim de mandato. Em 2021, Naldinho não será mais prefeito, mas, pelo estatuto da Femurn, ele pode aspirar a um segundo mandato na federação, na condição de ex-prefeito.

Nesta quinta-feira 26, ao Agora RN, Luciano Santos passou confiança. Ele acredita num apoio substancial especialmente dos prefeitos reeleitos pelo MDB no Estado e também dos eleitos pelo PSDB, partido do presidente da Assembleia Legislativa, Ezequiel Ferreira. Aliás, o prefeito de Lagoa Nova disse já ter recebido uma boa sinalização de Ezequiel, com quem teria tratado desse assunto recentemente.

Luciano Santos, que preside o Consórcio de Resíduos Sólidos do Seridó, com mais de vinte cidades, disse que também espera o apoio dos municípios da região nas eleições da Femurn, que acontecem a cada dois anos em meados de janeiro.

Em seu segundo mandato em Lagoa Nova, uma cidade de porte médio, ele prega uma aproximação da Femurn com as cidades. “Ela (a Femurn) foi ausente durante meu primeiro mandato”, comentou.

Luciano não poupou críticas à atual gestão de Naldinho. “A federação chega com poucas orientações técnicas e jurídicas aos associados no momento em que eles necessitam de mais amparo em questões ligadas às leis de responsabilidade fiscal”, acrescentou.

Provocado nesta quinta-feira pelo Agora RN se estaria pensando na reeleição, Naldinho enviou a seguinte mensagem:
“Sobre a sucessão do municipalismo potiguar, o meu nome está à disposição para apreciação dos prefeitos, na representação da Femurn, uma vez que nosso estatuto permite que ex-prefeito possa conduzir a federação. O que consideramos válido, dado a maior disponibilidade de tempo e dedicação por não estar mais no mandato da prefeitura, e poder fortalecer a causa municipalista”.

Para Luciano Santos, que diz ter boas relações com Naldinho, a grande preocupação agora é que o processo sucessório não prejudique “a unidade da causa municipalista e nem disperse o quadro de filiados da federação, com sentimentos partidários”.

Além do prefeito reeleito de Lagoa Nova e do prefeito não reeleito de São Paulo do Potengi, o prefeito reeleito de São Tomé, Babá (Republicanos), também pretende disputar as eleições da Femurn.

“Queremos transformar em ente público, para fazer compras compartilhadas, consorciar e conveniar com governos federal, estadual, ministérios, para trazer recursos também para os municípios”, disse Babá em entrevista ao Portal Grande Ponto esta semana.

NOTÍCIAS RELACIONADAS
Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.