BUSCAR
BUSCAR
Política

Deputados formam bloco independente e mudam composição da Assembleia Legislativa do RN

Redação
29/09/2023 | 05:00

Quatro deputados estaduais decidiram formar um novo bloco na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte. Juntos, os parlamentares vão integrar agora uma bancada “independente”, que não terá compromisso com as lideranças nem da gestão da governadora Fátima Bezerra (PT) nem da oposição.

O grupo terá os seguintes deputados: Dr. Kerginaldo Jácome (PSDB), Galeno Torquato (PSDB), Ivanilson Oliveira (União Brasil) e Terezinha Maia (PL).

assembleia eduardo maia
Bancadas de oposição e governo foram alteradas com formação de bloco dos independentes - Foto: Eduardo Maia / ALRN

O bloco será formalizado no início de outubro, quando Dr. Kerginaldo e Ivanilson voltarem de viagem. Os dois foram, junto com outros parlamentares, para a feira de turismo Abav Expo, no Rio de Janeiro, representando a Assembleia Legislativa.

A criação do novo bloco pode dificultar a aprovação de projetos de interesse do governo na Assembleia. Juntos, os independentes e os deputados de oposição passam a ser maioria na Casa: são 13 do total de 24 deputados. Os governistas são 11 deputados – número insuficiente para aprovar até projetos de lei ordinária, que demanda o voto de 12 parlamentares.

Cotado para ser líder do grupo, o deputado Galeno Torquato afirma que a criação do bloco garante mais “pluralidade” às decisões da Assembleia.

“O nosso compromisso, enquanto um grupo independente, é com o Rio Grande do Norte. O objetivo do nosso bloco é analisar e votar, sempre em conjunto, sem ideologia, com diálogo, a favor de matérias e iniciativas que tragam benefícios para a população potiguar, analisando com objetividade e imparcialidade. O surgimento deste bloco garante mais pluralidade às decisões dos parlamentares que compõem a Assembleia Legislativa”, destacou Galeno.

Dr. Kerginaldo afirmou, em entrevista ao jornal Tribuna do Norte, que os deputados decidiram criar o novo grupo porque não estavam conseguindo ter pleitos atendidos junto ao Governo do Estado. “Reivindicavam, não saía nada e a gente precisa dar satisfação à população. A gente precisava ter mais vez e mais voz no governo”, destacou o deputado.

Ele acrescenta que isso não significa que o grupo fará “oposição radical ao governo”. “Votaremos matérias que sejam a favor do Estado, mas não votaremos tudo o que o governo quiser”, disse.

No caso de Terezinha Maia, pesou também o fato de ela ser adversária do prefeito de São Gonçalo do Amarante, Eraldo Paiva (PT), que tem apoio da governadora como pré-candidato à reeleição. Eraldo assumiu o mandato após a morte do prefeito Paulo Emídio, marido de Terezinha. Desde então, ela vem fazendo críticas à nova gestão e pode apoiar a candidatura do ex-prefeito Jaime Calado (PSD), que é secretário de Desenvolvimento Econômico do Governo do Estado.

Líder do governo na Assembleia, o deputado Francisco do PT minimiza a criação do novo bloco. Ele afirma que buscará diálogo com os parlamentares.

“Todo parlamentar tem autonomia para decidir sobre sua atuação. E merece respeito qualquer decisão sobre isso. Mas ainda não conversei com o grupo a respeito desta situação. Sei que independente de ser governo, todo/a parlamentar tem compromisso com nosso Estado. Então seguiremos firmes no diálogo”, enfatizou.

PSDB de Parnamirim decide permanecer na base de apoio de Taveira
Articulação junto ao PSDB foi realizada pelo deputado estadual Taveira Júnior (União Brasil)
18/05/2024 às 13:05
Isolda mantém nome na disputa em Mossoró:“Estamos no jogo”
Deputada estadual reafirma compromisso do PT com candidatura própria, mas mantém diálogo com outras forças políticas para unificar a oposição e enfrentar o prefeito Allyson
18/05/2024 às 07:02
Carlos Eduardo não deve recorrer de decisão que absolveu Rogério Marinho
Ex-prefeito é aconselhado a focar nas eleições municipais após TRE-RN absolver Marinho de acusação de abuso de poder econômico e político
18/05/2024 às 07:00
Presidente do PSDB confirma Datena como pré-candidato do partido a prefeito de São Paulo
Agora, o partido trabalhará com a possibilidade de uma chapa-pura para a disputa municipal
17/05/2024 às 21:59
Moraes pede que PGR avalie arquivamento de inquérito contra Bolsonaro
Ação investiga denúncia de interferência do ex-presidente na PF
17/05/2024 às 21:38
Toffoli gasta R$ 100 mil do STF com diárias de um segurança em Londres e Madri
Supremo diz que contratar segurança no exterior é mais caro; quantia corresponde ao pagamento de 25 diárias
17/05/2024 às 19:26
Zanin suspende por 60 dias decisão que barrou desoneração da folha
Zanin suspende por 60 dias decisão que barrou desoneração da folha
17/05/2024 às 19:15
Bolsonaro pede indenização de R$ 50 mil a Boulos por falas sobre morte de Marielle Franco
Além do pagamento em dinheiro, o ex-presidente pede que Boulos se retrate nas redes sociais
17/05/2024 às 12:54
General Girão se defende: “Não vi preocupação com o povo gaúcho”
Girão foi apontado pelo Psol como disseminador de desinformação e notícias falsas sobre os resgates dos atingidos pela tragédia climática no Rio Grande do Sul
17/05/2024 às 08:11
Barroso propõe tese para evitar assédio judicial contra jornalistas e imprensa
STF vai continuar na quarta-feira 22 julgamento de ações propostas por associações de jornalismo contra a prática usada para constranger profissionais
16/05/2024 às 20:42
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.