BUSCAR
BUSCAR
Cobrança
Deputado cobra emendas ao Governo do RN e presidente da AL concorda: “Acertado sai barato”
Gustavo Carvalho e Ezequiel Ferreira, ambos do PSDB, cobraram a liberação de emendas que foram, segundo eles, previamente acertadas com o Governo do Estado
Redação
04/11/2021 | 12:22

Durante a abertura do grande expediente da sessão ordinária nesta quarta-feira 3 na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, o deputado Gustavo Carvalho (PSDB) fez críticas ao Governo do Estado e cobrou o pagamento de emendas que foram acordadas pela própria gestão estadual, segundo o parlamentar. Após a cobrança das emendas impositivas ao Orçamento Geral do Estado (OGE) de 2021, o presidente da Casa, Ezequiel Ferreira (PSDB), se juntou ao colega de partido para fortalecer o apelo. ” Se foi acertado, cumpra o que foi acertado”, pontuou o deputado – que é aliado à governadora Fátima Bezerra (PT).

Em seu discurso, Gustavo Carvalho – que faz parte da oposição ao Governo – criticou o atraso na liberação dos recursos. “Hoje vou utilizar meu horário para fazer uma crítica ao Governo do Estado em relação aos acordos não cumpridos com deputados e deputadas das nossas emendas parlamentares. O deputado Francisco [do PT], quero dizer que tem se esforçado, mas o Governo descumpre com todos nós os compromissos que foram feitos. É importante que o líder do Governo assuma o posicionamento em relação ao que acertou com cada um dos deputados e deputadas nessa Casa. Estamos sofrendo pressão dos municípios, dos prefeitos, em relação a não liberação desses recursos, que serão investimentos para melhorar a vida das pessoas”, disse.

“O Governo infelizmente não está vendo isso e não tem respeito com o que acerta com essa Casa. Ninguém dá expectativa de pagamento, é imoral os prazos que foram elencados pelo Governo, que foram sempre avançados e, mesmo assim, não cumpridos. Todos nós alocamos essas emendas em benefício de obras e ações importantes para os municípios do Rio Grande do Norte”, continuou o deputado, que em seguida se dirigiu a Ezequiel Ferreira. “Faço ao presidente [da ALRN] um apelo: que nós tenhamos do Governo uma resposta para o que foi acertado pelo próprio Governo. O Governo descumpre compromissos com o povo, não tem uma obra no estado, não paga as emendas”, frisou.

Gustavo Carvalho ainda abordou a CPI da Covid-19, que está em andamento na Assembleia “Eu não sei se é porque sou membro da CPI, se o Governo está querendo emparedar… e não vai me emparedar em momento algum. Vou clamar, a partir de hoje, para que os compromissos sejam cumpridos”, afirmou. “Nós temos aqui diversas matérias importantes, que vamos discutir, e o governo, que ficou de nos pagar em setembro e outubro o valor referente às emendas, acertado pelo próprio Governo, não cumpriu. Disse que ia pagar em 10 de setembro, foi para 20, 30, depois 10 de outubro, e já estamos em 3 de novembro. Isso é uma falta de respeito com a Casa. Temos que nos unir para falar e publicizar essas ações que não são cumpridas pelo Governo do Estado”.

Por fim, o deputado deixou um “registro de indignação com a falta de compromisso do Governo, não só com o povo, não só com o Estado, mas com a Casa legislativa e com os municípios potiguares”.

Em seguida, Ezequiel Ferreira comentou as afirmações de Gustavo Carvalho sobre as emendas. “Quero me somar à vossa excelência no que tange o compromisso do Governo em cumprir com os deputados a liberação das emendas. As emendas fazem parte do trabalho dos deputados, são destinadas aos municípios do RN e transformadas em benefícios para a população que mais precisa. Essas emendas facilitam a construção de UPAs, escolas, de ruas calçadas, de ajuda para a polícia melhorar a segurança em todo o interior. Essas emendas são instrumentos do parlamento para melhorar a vida dos cidadãos”, começou o presidente da ALRN.

“Fica aqui também o meu apelo ao Governo do Estado, porque como digo costumeiramente: o acertado sai barato. Se foi acertado, cumpra o que foi acertado. Essa é a expectativa dessa Casa legislativa para que os deputados possam honrar com a palavra dada lá na ponta, a cada cidadão norte-rio-grandense. Esperando o cumprimento do Governo, na certeza de que o Governo tem palavra e irá honrar, para que a gente possa honrar também os nossos compromissos nos mais diversos municípios”, finalizou Ezequiel.

Kelps afirma: “Represália à CPI da Covid”

Questionando o não pagamento das emendas parlamentares por parte do Governo do Estado, o deputado Kelps Lima (SDD) declarou nesta quarta-feira (3), em pronunciamento na Assembleia Legislativa, que o posicionamento do Executivo é uma retaliação à Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investiga as ações do Governo na pandemia.

“As emendas parlamentares não estão sendo pagas aos municípios potiguares por represália à CPI da Covid-19. Não tenho dúvida alguma. A governadora, através do líder do Governo na Casa, pediu aos deputados que enviassem as suas prioridades a serem pagas – e ele foi inclusive muito correto nas conversas conosco. Acontece que o Governo desmoraliza a sua liderança no momento em que fez com que ele empenhasse a sua palavra sem que fosse cumprida”, disse Kelps.

Direcionando-se aos munícipes de Apodi, Umarizal, Serra do Mel, Riachuelo, Assú, Macaíba, entre outros, o parlamentar declarou que “o dinheiro das emendas não está nas contas porque o Governo não aceita a CPI da Covid-19. O mesmo acontece em Mossoró, que também sofre perseguição. Cabe à governadora dar explicações a esses municípios”, observou.

O deputado Kelps Lima, que preside a CPI da Covid-19, assegurou que a Comissão não irá se intimidar e que as investigações seguirão. “A governadora Fátima Bezerra prejudica as cidades por cunho politiqueiro, mas a CPI não vai parar por emendas parlamentares”, falou.

Já o deputado Tomba Faria (PSDB) pediu a união dos pares na Assembleia Legislativa em favor da situação. “Precisamos tomar uma providência urgente e parar as pautas do Governo do Estado nessa Casa até que ele pare para conversar conosco”, concluiu.

NOTÍCIAS RELACIONADAS
Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.