BUSCAR
BUSCAR
Televisão
Denise Fraga detona passagem de Regina Duarte pelo governo: ‘Ela foi aterrorizante’
A atriz foi duramente criticada por minimizar as mortes e sessões de tortura que foram institucionalizadas durante a Ditadura Militar
Notícias da TV
04/01/2021 | 17:14

Denise Fraga deixou clara a sua insatisfação com o governo de Jair Bolsonaro e a passagem de Regina Duarte pela secretaria de Cultura em entrevista a Marcelo Tas no #Provoca, que irá ao ar nesta terça 5. A atriz ressalta que a entrevista da colega à CNN foi um dos pontos mais baixos de sua curta vida política. “Ela foi aterrorizante”, pondera.

Regina foi duramente criticada por minimizar as mortes e sessões de tortura que foram institucionalizadas durante a Ditadura Militar (1964-1985) na conversa com o jornalista Daniel Adjuto. Ela também causou revolta ao cantar uma das músicas que serviu de símbolo para o regime, Pra Frente Brasil.

“A Regina no governo foi uma tristeza. Aquela entrevista especialmente, né. Nos deixou muito… Assustados é uma palavra pequena. Ela foi aterrorizante. Ela cantando, ela falando que a gente precisa esquecer [a ditadura]”, critica a artista, que se prepara para voltar às novelas com Em Seu Lugar.

Denise também lamenta a polarização política do país, que levou o então deputado Jair Bolsonaro ao cargo de presidente da República em 2018.

“Como a gente sai dessa cilada? Acho que a gente sai pensando que estamos todos juntos. Pensando afetuosamente. Eu não consigo achar que os 30% do país que apoiam esse senhor são pessoas terríveis. Eu não acho que são. Acho que aí no meio tem algum desaviso”, filosofa Fraga.

NOTÍCIAS RELACIONADAS
Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.