BUSCAR
BUSCAR
Coluna do Agora
Delação de Fred atinge eleições de 2014 e 2016
Coluna do Agora
11/07/2017 | 04:50

Informações de quem acompanha as tratativas do acordo de colaboração premiada do empresário Fred Queiroz com procuradores estaduais e federais dão conta de que o ex-secretário de Obras da capital potiguar detalhou esquemas ilícitos ocorridos sobretudo durante as campanhas de 2014 e 2016. Todos os agentes políticos que contaram com o apoio e a estrutura do ex-ministro Henrique Eduardo Alves (PMDB) podem estar comprometidos com a delação. Em Natal, o candidato que recebeu forte apoio do peemedebista – que teria usado a empresa de Fred Queiroz como meio de lavar dinheiro – foi o prefeito Carlos Eduardo Alves (PDT).

>> Racha. Na Assembleia Legislativa, há uma divisão entre os integrantes da Mesa Diretora em relação à convocação ou não do suplente do deputado Ricardo Motta (PSB), este afastado do mandato pela Justiça por até seis meses para que as denúncias de desvios no Idema sejam apuradas.

>> Expectativa. O primeiro suplente da mesma coligação que elegeu Motta em 2014 é o ex-vereador natalense Adão Eridan (PR). Sua posse na Assembleia, contudo, pode encontrar barreiras na condenação obtida na operação Impacto.

>> Fila. Na sequência de suplentes estão o vereador natalense Bispo Francisco de Assis e Leonardo Nogueira (DEM). A depender dos desdobramentos, qualquer um dos três pode ser empossado.

>> Proteção. Alguns deputados defendem a não convocação do suplente de Ricardo Motta para proteger o parlamentar e o seu gabinete instalado na Casa, que envolve ainda servidores comissionados. Segundo transpirou nos bastidores, a proteção a Ricardo se deve ao fato de que o deputado afastado teria ameaçado delatar os colegas.

>> Delação do fim do mundo. Ao encurralar a atual administração da Assembleia, o deputado teria dado um recado claro, de que “botaria a boca no trombone” caso não fosse protegido. Uma possível delação de Ricardo, avisa um interlocutor, poderia entregar muita coisa e comprometer muita gente.

>> Bom trabalho. Superintendente do Patrimônio da União no Rio Grande do Norte, Esdras Alves tem desenvolvido um rebanho elogiado por empresários e ambientalistas. Estilo bem diferente dos antecessores no cargo, ligados ao PT.

>> Parceria. Ao visitar o secretário municipal de Segurança Pública e Defesa Social de Natal na última quinta-feira, 6, o vereador Robson Carvalho (PMB) recebeu a notícia de que foi prorrogado o convênio entre a pasta e o Ministério da Justiça, o que garante recursos federais para reestruturar a Guarda Municipal com motos e fardamentos. No mês passado, o vereador foi a Brasília reforçar o pedido pela verba.

>> No aguardo. O deputado federal Rogério Marinho (PSDB) aguarda ansioso pela semana que vem, quando será votada no Senado a proposta de reforma trabalhista. Se aprovada, a nova legislação terá o seu DNA, haja vista que o tucano foi relator da proposta na Câmara dos Deputados. O que poderá lhe render bons dividendos eleitorais, sobretudo se a reforma ajudar na retomada dos empregos.

>> Passou a zero? A pergunta que tem sido feita nos grupos de WhatsApp é se o ex-ministro Henrique Alves está de cabeça raspada, providência comum aos presos decorrentes da Lava Jato.

>> Estadia. Por falar em Henrique, a contar com o histórico de lideranças detidas na Lava Jato, deve ser longa sua permanência atrás das grades, o que já dura um mês. Marcelo Odebrecht, por exemplo, já está preso há mais de dois anos. Eduardo Cunha, desde outubro de 2016. Quanto tempo Henrique ficará?

>> Situação complicada. O ex-prefeito de Parnamirim Maurício Marques (PDT) continua mantendo, nos bastidores, sua pré-candidatura a deputado estadual em 2018. A situação jurídica do ex-mandatário parnamirinense, contudo, inspira cuidados. Até aliados duvidam muito que o ex-prefeito terá condições de lançar candidatura no ano que vem.

>> Alternativa. E aí resta a pergunta: quem contará com o apoio do prefeito Rosano Taveira (PRB). O nome, sugerem interlocutores, poderá sair da Câmara Municipal.

Sede: Rua dos Caicós, 2305-D, Nossa Sra. de Nazaré. Natal/RN | CEP: 59060-700
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.