BUSCAR
BUSCAR
Salários
Coordenador do Sinte anuncia ação judicial contra Governo do Estado por atraso no 13º salário
Governo estadual divulgou que a quitação da folha do magistério ocorrerá somente em 30 de dezembro
Redação
04/12/2023 | 18:27

Nesta segunda-feira 4, o coordenador geral do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Rio Grande do Norte (Sintern), Rômulo Arnaud, comunicou a intenção de ingressar com uma ação judicial contra o Governo do Estado devido ao atraso no pagamento do 13º salário referente ao ano de 2023.

O Governo estadual divulgou que a quitação da folha do magistério ocorrerá somente em 30 de dezembro. No mês de junho, a administração já havia antecipado 30% do 13º salário.

Rômulo expressou lamentação pelo atraso e destacou que tomará medidas legais para compensar os prejuízos dos trabalhadores, buscando o pagamento de juros e correção.

“Nós lamentamos o atraso e acionaremos a justiça para ressarcir o prejuízo das trabalhadoras e trabalhadores com  o pagamento de juros e correção”, avisou Rômulo.

Com informações do Blog do Barreto e Grande Ponto

NOTÍCIAS RELACIONADAS
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.