BUSCAR
BUSCAR
Negociação
Conmebol busca interessados em transmitir a Libertadores após Globo pedir rescisão de contrato
Tendência é que aconteça um acerto da Globo com a Conmebol, mas outras emissoras podem passar a fazer transmissão também. Com o fim da exclusividade, a tendência é que a disputa pela audiência seja ainda maior
Estadão
25/08/2020 | 11:10

A Conmebol corre contra o tempo para evitar que vários jogos da Libertadores e da Copa Sul-Americana, inclusive de times brasileiros, não tenham transmissão para o Brasil. A competição volta a ser disputada no dia 15 de setembro e, por enquanto, apenas o canal Fox Sports vai passar os jogos, mas não todos. A TV Globo e o DAZN , que passam Libertadores e Sul-Americana, respectivamente, pediram rescisão de contrato por causa da crise financeira em razão do novo coronavírus.

Tanto Globo como DAZN alegaram que os valores pagos anteriormente para a Conmebol são inviáveis no momento, já que a receita de ambos despencou nos últimos meses. Assim, a entidade que administra o futebol sul-americano decidiu oferecer a transmissão dos jogos para diversos canais e meios de comunicação.

A própria Globo é uma das que negociam. Caso aconteça um acerto, os valores sem bem menores o que o contrato anterior. Paralelamente, a Conmebol conversa também com outros canais da TV aberta e com a ESPN Brasil, que em razão da parceria com a Fox Sports – após a compra da Fox pela Disney – deve passar alguns jogos.

O Estadão apurou que existe um interesse mútuo entre Globo e Conmebol para que o acordo seja refeito. Entretanto, a entidade espera que outros interessados apareçam com valores maiores para pressionar a emissora carioca. Até o momento, a Turner, responsável pelo canal TNT, não demonstrou interesse em entrar na disputa.

De todas as emissoras de sinal aberto, quem mais demonstrou interesse foi a Rede TV!. A Conmebol também conversa com o Facebook, que já passa um jogo por rodada, nas quintas-feiras, e poderia aumentar o número de transmissão.

A tendência é que aconteça um acerto da Globo com a Conmebol, mas outras emissoras podem passar a fazer transmissão também. Com o fim da exclusividade, a tendência é que a disputa pela audiência seja ainda maior.

Vale ressaltar que os direitos de transmissão da Copa Libertadores nada tem a ver com a Medida Provisória 984, que determina que os direitos de transmissão dos jogos passem a ser dos times mandantes. Essa decisão tem validade apenas para jogos de competições nacionais.

Copa Sul-Americana sem transmissão?
A indefinição sobre a transmissão da Libertadores afeta também a Copa Sul-Americana. O torneio tem transmissão exclusiva da DAZN, mas se realmente o canal de streaming não conseguir manter o acordo, é possível que não tenha exibição dos jogos para o Brasil.

Mas como o torneio voltará a ser realizado apenas em outubro, a pressa é um pouco menor. De qualquer forma, o torneio também tem sido usado como “barganha” pela Conmebol para tentar conseguir fechar um acordo visando a Libertadores.

Sete times brasileiros estão na disputa da Copa Libertadores da América. São eles: Flamengo, Athletico-PR, São Paulo, Palmeiras, Grêmio, Inter e Santos.E apenas dois clubes brasileiros continuam na briga pelo título na Copa Sul-Americana: Vasco e Bahia. Fortaleza, Fluminense, Goiás e Atlético-MG foram eliminados ainda na primeira fase.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.