BUSCAR
BUSCAR
Que vacilo
Clube “erra o Pix”, e paga concessionária por transferência de jogador
Fenerbahce queria pagar jogador ao Empoli, da Itália, mas acabou enviando dinheiro para outra conta
Correio
02/10/2021 | 09:53

O Fenerbahce, um dos times mais tradicionais da Turquia, se envolveu em uma confusão após errar no pagamento de um jogador do Empoli, da Itália. O caso deu tão errado que foi parar na Justiça, e virou uma das histórias mais curiosas – e bizarras – dos mercados de transferências.

Segundo o jornal Marca, tudo começou em 2019, quando o clube turco se interessou pelo meia Miha Zajc e fez uma proposta ao time italiano. A negociação deu certo e ficou acordado que o Fenerbahce pagaria o valor de 4 milhões de euros (cerca de R$ 20 milhões na época) parcelado, até setembro de 2020.

Até então, as coisas estavam saindo como esperado. Até que veio o momento da última parcela, de 831 mil euros (cerca de R$ 5 milhões), e o enorme pepino. Os turcos acharam que tinham transferido o dinheiro ao Empoli, mas depositaram na conta… de uma concessionária de veículos da Holanda.

Ao notar que não havia recebido a quantia até a data-limite, o clube italiano notificou o Fenerbahce sobre o possível calote. O time, então, admitiu o erro e pediu o reembolso à empresa holandesa. Só que a concessionária se recusou a devolver o dinheiro.

O fato iniciou uma batalha judicial, que durou meses. De acordo com o Marca, o caso foi resolvido somente nesta semana. Um tribunal distrital de Gelderland, na Holanda, determinou que a concessionária devolvesse imediatamente a quantia ao Fenerbahce, que, por sua vez, precisa repassar o valor ao Empoli.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.