BUSCAR
BUSCAR
Luto
Cineasta Cadu Barcellos, assistente do Porta dos Fundos, é morto a facadas durante assalto no RJ
Diretor do documentário "Cinco vezes Favela - Agora por nós mesmos", Cadu Barcellos atuava como assistente de produções do canal Greg News e do Porta dos Fundos. Ele era casado e pai de um filho de 2 anos
Estadão
11/11/2020 | 12:18

O cineasta Cadu Barcellos, de 34 anos, foi morto na madrugada de terça-feira, 10, após sofrer um assalto no centro do Rio. Ele foi morto a facadas por volta de 3h30 da madrugada, pouco depois de deixar a Pedra do Sal, no Santo Cristo.

Segundo a Polícia Militar, policiais do 5ºBPM (Praça da Harmonia) foram acionados para verificar uma ocorrência na Avenida Presidente Vargas, próximo à esquina com a rua Uruguaiana. No local, encontraram Cadu já sem vida. O caso será investigado pela Delegacia de Homicídios.

Diretor do documentário “Cinco vezes Favela – Agora por nós mesmos”, Cadu Barcellos atuava como assistente de produções do canal Greg News e do Porta dos Fundos. Ele era casado e pai de um filho de 2 anos.

Nas redes sociais, amigos, jornalistas e personalidades políticas lamentaram a morte do cineasta. O movimento Redes da Maré postou uma nota em que diz estar “em luto pelo assassinato brutal do jovem e nosso querido amigo Cadu Barcellos. Nosso amor à família, que faz parte da nossa história, aos amigos e parceiros desse jovem que tanto produziu pelo nosso território”.

O ator Renato Góes homenageou Barcellos em uma publicação no Instagram: “Pai. Guerreiro. Talentoso. Amado”, escreveu ele.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.