BUSCAR
BUSCAR
Inspeção
China alega ter encontrado coronavírus em carne exportada pelo Brasil
Depois de afirmarem ter percebido resquícios da Covid-19 em asas de frango importadas do Brasil, agora é a vez da carne bovina
Redação
09/10/2020 | 13:36

A China alega ter encontrado resquícios de coronavírus na carne bovina exportada pelo Brasil. Segundo autoridades chinesas, os vestígios de Covid-19 foram percebidos na embalagem do produto em uma inspeção feita no Porto de Dalian, um dos maiores do país.

A carne foi produzida por uma unidade do frigorífico Minerva, localizada em Barretos (SP). O Minerva é o terceiro maior produtor de carne bovina do Brasil, ficando atrás somente de JBS e Marfrig.

A embaixada brasileira em Pequim já foi informada oficialmente sobre o ocorrido. As informações são do jornal O Globo.

Há dois meses, autoridades de Shenzhen afirmaram ter encontrado a presença de coronavírus também na embalagem de asas de frango exportado pelo Brasil. Porém, nunca ficou claro o que aconteceu, já que a contraprova nunca foi mostrada às autoridades brasileiras.

De janeiro a julho, o Brasil exportou 1,1 milhão de toneladas de carne bovina. Isso equivale a um faturamento de aproximadamente R$ 26 bilhões. Desse total, 60% vêm da China.

*As informações são do Metrópoles

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.