BUSCAR
BUSCAR
Reconhecimento
Cena musical potiguar disputa 6 categorias do Prêmio Dynamite
Premiação é uma das maiores honrarias da música autoral do país. Competição online segue até 30 de setembro e será decidida a partir dos votos do público
Nathallya Macedo
10/09/2020 | 05:02

O processo de construção da identidade cultural de um lugar pode ser demorado. Muitas vezes, por falta de incentivo, talentos são deixados de lado. No entanto, de uns tempos para cá, o Rio Grande do Norte ganhou uma cena artística efervescente e que se encontra em constante crescimento. São novas bandas autorais, cantores e cantoras que se arriscam em carreira solo, além de eventos que proporcionam o espaço necessário para o fomento da música local.  

Uma das maiores honrarias da música independente do Brasil, o Prêmio Dynamite tem exatamente esse objetivo: reconhecer e valorizar a produção de arte em todo o país. Após um hiato, a premiação volta com quase 400 indicados dos 26 estados brasileiros e Distrito Federal. Dentre as 19 categorias desta edição, 6 levam nomes potiguares. Para aplaudir a cena, o público pode votar até o dia 30 de setembro através do site. 

A curadoria levou em consideração os melhores trabalhos lançados entre 2018 e 2019. Indicada pela categoria “Melhor lançamento pop”, a banda Luísa e os Alquimistas tem uma trajetória de sucesso desde 2015, quando foi criada. O grupo tocou de vários festivais no estado e chamou a atenção com composições divertidas, além da mistura única de ritmos presente nas canções.  

O álbum “Jaguatirica Print”, que concorre ao prêmio, foi lançado em setembro do ano passado. A ideia do disco era expor as diferentes sonoridades da música popular nordestina, contemporânea e eletrônica, principalmente no recorte do Rio Grande do Norte. Ademais, foram somadas as sonoridades do batidão romântico, bregafunk, tecnobrega, arrocha e ainda uma pitada de reggae.  

Concorrendo na mesma categoria está mais um destaque local: Potyguara Bardo com o álbum “Simulacre”. Artista drag queen, Potyguara explora espiritualidade, sexualidade e relacionamentos em letras inteligentes e melodias um tanto quanto psicodélicas. O vídeo de “Oásis”, por exemplo, tem quase 6 milhões de visualizações no YouTube.  

O quarteto instrumental Camarones Orquestra Guitarrística foi indicado na categoria “Melhor lançamento de música instrumental”, com o disco “Surfers”, lançado em junho de 2019. O grupo mistura elementos de rock, ska e surf music. Fundada em 2007, a banda passou por todas as regiões do país e participou do Primavera Sound, um dos maiores festivais de música do mundo, que acontece em Barcelona, na Espanha. 

Luísa, Potyguara e Camarones já se apresentaram no Festival Dosol – que também está participando da premiação nacional. Palco para as diversas vozes do RN e de outros lugares, o evento acontece desde 2003 sob o comando de Ana Morena e Anderson Foca, possibilitando a projeção de revelações da música no cenário potiguar.  

Com a mesma intenção de disseminar o som autoral, o El Rock, localizado em Natal, disputa o prêmio de “Melhor casa de shows alternativos”. Já a Escola de Artes de Mossoró, que faz um trabalho de inserção da educação com bagagem cultural no cotidiano dos alunos, concorre na categoria “Melhor produtora, entidade ou coletivo”.  

Dynamite 

Realizado pela Associação Cultural Educacional e Social Dynamite (ACESD), o prêmio teve sua primeira edição em 2002. Neste ano, a cerimônia vai acontecer no dia 14 de outubro, no Teatro Sérgio Cardoso, em São Paulo, e terá transmissão ao vivo e interatividade com os vencedores por meio da plataforma #CulturaEmCasa (www.culturaemcasa.com.br). 

Lista: 

Potiguares indicados  

Melhor lançamento pop: Luisa e os Alquimistas pelo álbum “Jaguatirica Print” 

Melhor lançamento pop: Potyguara Bardo pelo álbum “Simulacre” 

Melhor lançamento de música instrumental: Camarones Orquestra Guitarrística pelo álbum “Surfers” 

Melhor casa de shows alternativos: El Rock, em Natal 

Melhor evento: Festival Dosol 

Melhor produtora, entidade ou coletivo: Escola de Artes de Mossoró 

Prêmio Dynamite de Música Independente 2020 

QRCode para votarhttp://dynamite.com.br/premio/  

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.