BUSCAR
BUSCAR
Crime

Casos de estupro de vulnerável aumentam em 39,7% em 2023 no RN

Segundo COINE, 686 casos aconteceram entre janeiro e setembro deste ano
Karen Sousa
30/10/2023 | 12:12

Os casos de estupro de vulnerável cresceram em 39,7% em 2023, entre janeiro e setembro, em comparação ao mesmo período do ano passado.

As informações são da Coordenadora de Informações Estatísticas e Análises Criminais (COINE), da Secretaria da Segurança Pública e da Defesa Social (SESED). 

686 casos de estupro de vulnerável foram registrados entre janeiro e setembro de 2023. Foto: José Aldenir/Agora RN
686 casos de estupro de vulnerável foram registrados entre janeiro e setembro de 2023. Foto: José Aldenir/Agora RN

De acordo com os dados, foram registrados 686 casos nos últimos nove meses, 195 casos a mais que no mesmo período do ano anterior.

Casos de estupro de vulnerável aumentam. Veja na tabela.
Casos de estupro de vulnerável aumentam. Veja na tabela.

Segundo a diretora do Departamento de Proteção a Grupos em Situação de Vulnerabilidade (DPGV) da Polícia Civil, Paoulla Maués, o aumento da quantidade de registros ocorreu devido ao aumento do número de delegacias especializadas investigando esse tipo de crime.

“No ano passado, nós tínhamos apenas uma Delegacia Especializada de Proteção à Criança e Adolescente (DPCA) no estado todo, e nesse ano, nós temos três dessas delegacias no estado, em Natal, Mossoró e Parnamirim”, explicou ela.

Além disso, nas localidades que não têm DPCA, mas tem Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher (DEAM), também tem investigações de crimes praticados contra crianças e adolescentes, sendo realizadas pelas DEAMs. “Do ano passado para cá passaram a ter 12 delegacias investigando esses crimes”, completou.

Maioria dos criminosos são conhecidos da família das vítimas de estupro, diz diretora

É comum serem observados casos de denúncias com criminosos que tem uma relação de proximidade das famílias das vítimas, segundo a diretora do DPGV, podendo até mesmo ser parentes. “Eles adquirem a confiança da vítima e da família, então não têm suspeita dessa pessoa e a criança fica ainda mais vulnerável” relatou Paoulla Maués.

Dessa forma, é possível que o crime até mesmo passe despercebido pelos familiares caso o acontecimento não seja relatado. A diretora conta que, muitas vezes, a criança não sabe como falar que é vítima de violência ou até mesmo é ameaçada, fazendo com que seja ainda mais difícil de denunciar.

“É um crime muito difícil de chegar até nós porque a criança não tem esse conhecimento de que ela tá sendo vítima de um crime sexual”

Paoulla ressalta o papel dos pais e responsáveis nas denúncias e diz que muitos deles “não falam, eles sabem ou desconfiam e não denunciam à Polícia por vergonha, por acharem que é normal ou cultural, por medo, por uma série de situações”.

Além disso, existe o perigo dos responsáveis não darem a credibilidade à criança ou ignorarem os sinais, segundo diz a diretora.

Como são as denúncias de estupro de vulnerável

As denúncias podem ocorrer primeiramente a partir do registro do boletim de ocorrência na delegacia especializada de proteção à criança e adolescente ou na delegacia virtual, no site delegaciavirtual.sinesp.gov.br.

As denúncias também podem ser recebidas por meio do disque 181, número correspondente à Secretaria de Segurança do RN, pelo disque 100, do Governo Federal.

Hospitais e estabelecimentos das redes públicas e privadas também devem notificar as delegacias em caso de suspeita de crimes de violência praticados contra crianças e adolescentes.

Operação prende advogado e investiga policiais penais por facilitarem entrada de celulares em presídio do RN
As prisões aconteceram dentro da “Operação Protetor”, deflagrada nas primeiras horas da manhã pelas polícias Civil e Penal
19/06/2024 às 08:18
Acusado de tentar sequestrar Sergio Moro é morto
O líder do plano foi assassinado a mando do PCC (Primeiro Comando da Capital) na Penitenciária de Presidente Venceslau (SP)
18/06/2024 às 08:37
Lei Seca prende dois e autua treze por dirigir sob a influência de álcool em Mossoró/RN
A fiscalização ocorreu na noite de sábado e início da madrugada de domingo 16
16/06/2024 às 16:10
Polícia prende foragido da justiça em flagrante por tráfico de drogas em Canguaretama/RN
Verificando o CNJ descobriu-se que o indivíduo estava foragido desde 2022 e tinha antecedentes criminais por tráfico de drogas e roubo
16/06/2024 às 14:18
Policial penal do RN é preso após bater em carros e atirar contra inocentes
Secretaria de Administração Penitenciária enviou equipe a Pernambuco para averiguar a situação
15/06/2024 às 08:37
Mauro Cid e o pai são intimados a depor novamente à PF, após nova joia descoberta
A decisão foi tomada no âmbito das investigações sobre as joias que o governo da Arábia Saudita deu de presente ao governo brasileiro na gestão Bolsonaro
14/06/2024 às 08:48
PF indicia Juscelino Filho sob suspeita de corrupção e organização criminosa
Além disso, ministro é suspeito de lavagem de dinheiro, falsidade ideológica e fraude em licitação
13/06/2024 às 08:17
Polícia Civil prende mulher condenada por tentativa de homicídio no RJ; prisão aconteceu em Campo Redondo
Prisão ocorreu em decorrência de uma sentença expedida pelo TJRJ
12/06/2024 às 15:55
Operação no RN e mais 3 estados prende ‘casal do tráfico’, bloqueia R$ 35 milhões e apreende imóveis e outros itens de luxo
Investigações foram iniciadas há 6 meses e apuram tráfico de drogas e outros crimes
04/06/2024 às 08:15
ROCAM prende homem por tráfico de drogas no bairro da Redinha
Na abordagem, foram encontradas 09 porções de crack, dinheiro e embalagens para drogas
01/06/2024 às 17:38
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.