BUSCAR
BUSCAR
Meio ambiente
Brasil vai eliminar desmatamento ilegal até 2030, diz Bolsonaro na Cúpula do Clima
Reunião virtual foi convocada pelo presidente dos EUA, Joe Biden, com a presença de outros 40 chefes de Estado
Metrópoles
22/04/2021 | 11:08

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) discursa, nesta quinta-feira 22, na Cúpula do Clima, o presidente Jair Bolsonaro. O encontro foi convocado pelo presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, e conta com a presença de 40 chefes de Estado.

Bolsonaro é um dos últimos líderes a discursar. Antes dele, falaram o secretário-geral da ONU, António Guterres, e os chefes de Estado europeus e de países como Argentina, Indonésia e África do Sul.

Eleito com agenda ambiental forte, em oposição à do ex-presidente Donald Trump, Biden é o responsável por uma pressão externa maior sobre o Brasil em razão do aumento do desmatamento e das queimadas na Amazônia.

Ao abrir a Cúpula do Clima, Biden anunciou que vai se comprometer com a redução das emissões de gases responsáveis pelo aquecimento global.

Segundo Biden, a ideia é reduzir pela metade as emissões até o fim desta década. Os Estados Unidos são responsáveis por aproximadamente 15% das emissões de todo o planeta. Biden afirmou que esses “passos vão colocar os EUA numa rota de zero emissões até o fim de 2050”.

“Nós decidimos agir. Todos nós, principalmente vocês que representam as maiores economias, temos que dar um passo e agir. Cientistas nos dizem que esta é a década decisiva, onde fazemos decisões para impedir as piores consequências climáticas”, disse.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - redacao@agorarn.com.br
Comercial: (84) 98117-1718 - publica@agorarn.com.br
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.