BUSCAR
BUSCAR
Bolsonaro
Bolsonaro reage a nova condenação no TSE citando multas contra ele e Braga Netto
Bolsonaro já havia sido inabilitado a disputar eleições por oito anos em decisão do TSE de junho

01/11/2023 | 06:30

O ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) reagiu à nova condenação sofrida no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) com a publicação, em redes sociais, dos valores das multas aplicadas contra ele e contra seu candidato a vice, o ex-ministro Walter Braga Netto.

“Novas multas: Bolsonaro: R$ 425.000,00. Braga Netto: R$ 212.800,00”, escreveu Bolsonaro.

A mensagem foi acompanhada de uma notícia de que o TSE o condenou novamente numa ação eleitoral, desta vez por abuso de poder político nas celebrações do 7 de Setembro do ano passado, e declarou Braga Netto inelegível até 2030.

Bolsonaro já havia sido inabilitado a disputar eleições por oito anos em decisão do TSE de junho. Na ocasião, a corte analisou ação sobre a reunião no Palácio da Alvorada, no ano passado, em que ex-presidente realizou ataques contra o sistema eletrônico de votação e questionou, sem provas, a lisura da Justiça eleitoral.

Nesta terça, o TSE impôs nova condenação de inelegibilidade contra Bolsonaro. Não há efeito prático sobre o prazo da inabilitação do ex-presidente, uma vez que a contagem do período começa a partir da conclusão do pleito analisado –no caso, 2022.

Dos 7 ministros, 5 consideraram que ex-presidente cometeu abuso de poder e promoveu campanha usando dinheiro público nas comemorações do Dia da Independência: Benedito Gonçalves, Floriano de Azevedo Marques, André Ramos Tavares, Cármen Lúcia e Alexandre de Moraes.

Também foram 5 votos contra Braga Netto –inicialmente, o relator Benedito Gonçalves havia sido a favor de livrar o então vice da inabilitação para disputar eleições, mas ele mudou seu voto no final da noite desta terça.

Já os ministros Kassio Nunes Marques e Raul Araújo votaram pela rejeição das ações tanto contra ex-presidente como contra o então candidato a vice.

A multa proposta pelo corregedor do TSE, Benedito Gonçalves, foi de R$ 425 mil ao ex-presidente e de mais R$ 212 mil a Braga Netto (PL). Os valores foram aceitos pela maioria do tribunal.

RICARDO DELLA COLETTA E CONSTANÇA REZENDE
BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS)

‘Nossas crianças estão em risco’, alerta vereadora
Autora de projeto de lei que proíbe crianças em eventos com nudez e erotização, Camila Araújo quer chamar atenção para agressões ao ECA
16/04/2024 às 08:11
MDB e PSDB buscam ampliar presença em municípios do RN
Partidos como PT, PP e PL também fortalecem suas bases em preparação para as eleições no Rio Grande do Norte, prometendo uma disputa eleitoral acirrada e competitiva
16/04/2024 às 08:07
Após protesto, grevistas do IFRN são recebidos por ministro da Educação em Natal
Uma carta foi entregue ao ministro Camilo Santana para que a pauta dos servidores federais da educação seja conhecida
15/04/2024 às 17:29
Morre ex-deputado federal Mário Rosado aos 83 anos
Mário Rosado morreu em decorrência das complicações de um câncer, nesta segunda-feira 15
15/04/2024 às 16:58
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.