BUSCAR
BUSCAR
Ataque
Bolsonaro diz para jornalistas calarem a boca e pede desculpas
Na porta do Alvorada, presidente ainda atacou a Folha de S. Paulo, chamando o jornal de “canalha” e “patife”
Redação
06/05/2020 | 04:55

O presidente Jair Bolsonaro mandou repórteres calarem a boca na manhã desta terça-feira (5) quando foi questionado sobre as recentes mudanças na Polícia Federal. Bolsonaro ainda atacou a Folha de S. Paulo, chamando o jornal de “canalha”, “patife” e “mentiroso”.

“Não tem nenhum parente meu investigado pela Polícia Federal, nem eu nem meus filhos, zero. Uma mentira que a imprensa replica o tempo todo”, afirmou.

Quando repórteres tentaram questionar o presidente, ele mandou os jornalistas “calarem a boca”. Em novo pronunciamento no fim da tarde, ele pediu desculpas.

Av. Hermes da Fonseca, N° 384 - Petrópolis, Natal/RN - CEP: 59020-000
Redação: (84) 3027-1690
[email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.