BUSCAR
BUSCAR
Devolução

Bolsonaro devolve kit de joias sauditas após determinação do TCU

Acervo incluiria um relógio, caneta, abotoaduras, anel e um tipo de rosário, todos da marca suíça de diamantes Chopard
24/03/2023 | 09:43

Após determinação do TCU (Tribunal de Contas da União), o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) entregou nesta sexta-feira (24) à Caixa Econômica Federal em Brasília as joias que recebeu de presente da Arábia Saudita em 2021.

O acervo incluiria um relógio, caneta, abotoaduras, anel e um tipo de rosário, todos da marca suíça de diamantes Chopard.

167966168883867
Joias devolvidas pelo ex-presidente Jair Bolsonaro - Foto: montagem/Agora RN

No último dia 15, o tribunal havia determinado que o material fosse entregue na Secretaria-Geral da Presidência da República. O presidente do TCU, ministro Bruno Dantas, alegou que o Bolsonaro não poderia ficar com as joias e disse que, para um presente ser incorporado ao patrimônio privado de um presidente, deveria ser classificado como item personalíssimo e ser de baixo valor.

O tribunal ainda determinou que o conjunto de joias e relógio avaliado em R$ 16,5 milhões que seria para a ex-primeira-dama Michelle Bolsonaro, retido pela Receita no aeroporto de Guarulhos (SP) em 2021, também seja enviado à Caixa. Os artigos de luxo estavam na mochila de um militar, que à época era assessor do então ministro Bento Albuquerque (Minas e Energia).

Nesta quinta, Bolsonaro afirmou que devolverá as armas recebidas por ele como presente de autoridades dos Emirados Árabes Unidos em 2019 “com dor no coração”.

Bolsonaro ainda disse que pagaria, se possível, para ficar com os equipamentos, mas os devolverá conforme decisão do TCU. As declarações foram dadas à TV Record em entrevista exibida nesta quinta-feira (23).

“Confesso, com dor no coração, vou entregar as armas, com dor no coração, tá o meu nome lá, eu pagaria o que tenho no meu bolso aqui por aquelas duas armas, mas não vamos criar qualquer polêmica no tocante em si, às armas”, disse o ex-presidente.

Em outubro de 2021, Albuquerque liderou uma comitiva para um evento internacional na Arábia Saudita.

No retorno, um conjunto de itens de luxo avaliado em R$ 16,5 milhões que inclui colar, brincos, anel e relógio da marca suíça Chopard foi retido pela Receita no aeroporto de Guarulhos (SP) assim que Albuquerque e equipe desembarcaram no Brasil. O caso foi revelado pelo jornal O Estado de S. Paulo.

Um segundo pacote, que inclui relógio, caneta, abotoaduras, anel e um tipo de rosário, todos também da marca suíça de diamantes Chopard e depois entregues a Bolsonaro, estava na bagagem de um dos integrantes da comitiva e não foi interceptado pela Receita, como mostrou a Folha de S.Paulo. Esse pacote acabou incorporado ao acervo pessoal de Bolsonaro e agora terá de ser devolvido à Presidência.

Antes, em 2019, o ex-presidente também ganhou de presente uma pistola e um fuzil de representantes dos Emirados Árabes. O fuzil foi customizado com o nome de Bolsonaro, segundo informações publicadas pelo site Metrópoles. A pistola pode ter preços que variam de R$ 5,9 mil a R$ 15,6 mil. Modelos semelhantes do fuzil custam entre R$ 32 e R$ 42 mil.

Indiciado pela PF, Juscelino Filho afirma inocência e diz que ação foi “política e previsível”
Ministro das Comunicações é investigado pelos crimes de corrupção passiva, lavagem de dinheiro e organização criminosa, segundo a Polícia Federal
12/06/2024 às 14:00
Assembleia Legislativa do RN lança campanha anticapacitista: “Principal objetivo é conscientizar a população”
Campanha é estrelada pelo influenciador potiguar Ivan Baron e pelos gêmeos autistas Ângelo e Augusto
12/06/2024 às 10:30
“Não é uma disputa entre governo e oposição”, afirma Raimundo Alves sobre TCE
Secretário-chefe da Casa Civil afirma que eleição para Corte de Contas é uma questão legislativa e que governo torce por George por ele ser aliado de Fátima Bezerra
12/06/2024 às 07:49
CNJ abre processo contra desembargador aposentado que acusou Moraes de crimes
Sebastião Coelho da Silva disse que o ministro do STF fez “declaração de guerra ao país”
11/06/2024 às 21:58
Licitação da Adutora do Agreste será em julho, anuncia Codevasf
Governadora Fátima Bezerra participou de audiência com o diretor-presidente da Codevasf nesta terça-feira 11
11/06/2024 às 20:19
PowerPoint: STF mantém obrigação de Dallagnol pagar R$ 75 mil a Lula
A Primeira Turma do STF, por unanimidade, manteve decisão da relatora para obrigar que o ex-procurador da Lava Jato indenize Lula
11/06/2024 às 19:11
Pacheco devolve parte da MP do PIS/Cofins
Medida Provisória compensa desoneração da folha de pagamento de 17 setores da economia e de municípios
11/06/2024 às 17:57
Projeto que beneficia pais de pessoas com deficiência é aprovado em plenário na CMN
Projeto garante a reinserção no mercado de trabalho de pais ou responsáveis por pessoas com deficiência, em caso de falecimento desses filhos
11/06/2024 às 14:24
Comissão da Câmara aprova devolução de valores em cartões eletrônicos a usuários de ônibus
PL define que os créditos são de propriedade do usuário, deverão estar vinculados ao CPF, não terão validade para vencimento
11/06/2024 às 10:24
PF encontra nova joia que teria sido negociada por Jair Bolsonaro nos EUA
A suspeita é de que a joia tenha sido presente de um país do Oriente Médio ao então presidente
11/06/2024 às 08:37
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.