BUSCAR
BUSCAR
Muita grana
Atitude de Cristiano Ronaldo causou prejuízo de R$ 20 bilhões à Coca-Cola
Jogador retirou o produto do patrocinador e aconselhou água
IG
15/06/2021 | 19:13

A simples atitude de Cristiano Ronaldo de retirar da mesa duas garrafas de Coca-Cola , durante a coletiva de imprensa antes do jogo entre Portugal e Hungria , teve repercussão mundial e trouxe sérios prejuízos à gigante americana.

Ao sentar-se, a estrela portuguesa viu às duas garrafas de refrigerantes na bancada e as retirou do lugar. Imediatamente, ele pegou uma garrafa de água e disse para as câmeras: “Bebam água”.

O gesto teve um grande impacto negativo na marca. Para se ter uma ideia, a bolsa de valores abriu às 15 horas na Europa. Na ocasião, a participação da Coca-Cola girava em torno de 56,10 dólares. Cerca de 30 minutos depois, quando Cristiano Ronaldo e Fernando Santos entraram na sala do Estádio Puskas Ferenc, em Budapeste, as ações despencaram para 55,22 dólares.

O gesto causou uma queda brutal de 1,6% para a empresa na bolsa. Em termos econômicos, a Coca-Cola passou de US$ 242 bilhões para US$ 238 bilhões. Perdas totais de 4 bilhões de dólares, ou seja, cerca de R$ 20 bilhões.

Recentemente, Cristiano Ronaldo já havia dito em algumas entrevistas que é importante para as crianças uma alimentação saudável, longe de açúcares e gorduras. Sendo questionado em uma ocasião sobre sua relação com seu filho sobre esta questão, ele foi claro. “Sou duro com meu filho. Às vezes ele bebe Coca-Cola e Fanta e come batatas fritas e sabe que não gosto”, disse.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - redacao@agorarn.com.br
Comercial: (84) 98117-1718 - publica@agorarn.com.br
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.