BUSCAR
BUSCAR
Quanto?
Boicotado por bolsonaristas, Jornal Nacional tem intervalo mais caro da TV
A Globo atualizou os seus valores para 2021 e aumentou em R$ 4,5 mil o preço de um comercial de 30 segundos veiculado no noticiário de Renata Vasconcellos e William Bonner
Notícias da TV
05/01/2021 | 15:20

Alvo de boicote por apoiadores do presidente Jair Bolsonaro –por já ter criticado, inclusive editorialmente, a postura do chefe do Executivo–, o Jornal Nacional tem o intervalo mais caro da TV brasileira. A Globo atualizou os seus valores para 2021 e aumentou em R$ 4,5 mil o preço de um comercial de 30 segundos veiculado no noticiário de Renata Vasconcellos e William Bonner. Agora, para exibir sua marca nesse horário, em um dia da semana, o anunciante terá de investir R$ 852.400.

Esse valor pode ficar ainda mais alto se o anunciante optar pelo “golden break”, em que a inserção é veiculada sozinha, sem dividir espaço com nenhum outro anunciante. Isso ocorre no intervalo entre a escalada (apresentação dos principais do dia) e o primeiro bloco de notícias do telejornal.

Para ter essa visibilidade exclusiva durante 30 segundos, a empresa interessada deve desembolsar R$ 1.363.840 (contra R$ 1.356.640 nos últimos dois meses de 2020). Aos sábados, a emissora concede um desconto ao anunciante: o mesmo espaço custa R$ 1.166.720 (em novembro, a Globo cobrava R$ 1.160.640).

O segundo break mais caro é o da novela das nove. Ter o seu produto ou serviço divulgado no intervalo de A Força do Querer durante 30 segundos, de segunda a sexta, exige um investimento de R$ 843.400. No final de 2020, o espaço custava R$ 831.900.

No passado, quando a trama exibida tinha uma audiência maior, os valores cobrados eram ainda mais caros do que o do principal telejornal do país –foi assim com A Dona do Pedaço (2019), por exemplo.

Com estreia marcada para 25 de janeiro, o BBB21 também faz a alegria do departamento comercial da Globo. Além de ter disponibilizado uma cota extra de patrocínio para atender à demanda de interessados, a emissora também fatura alto durante os intervalos do reality comandado por Tiago Leifert. O comercial de 30 segundos do Big Brother vale R$ 508.000.

Vale a pena anunciar de novo

Comandado por Maju Coutinho (que recentemente foi vítima de fake news), o Jornal Hoje tem como preço integral por um comercial de 30 segundos o valor de R$ 243.400. Na faixa da tarde, essa quantia só é superada por Malhação, que custa R$ 247.900. A inserção no Vale a Pena Ver de Novo vale R$ 166.300.

Pela manhã, o break do Bom Dia Brasil é o mais valioso (R$ 114.200), seguido pelo Encontro com Fátima Bernardes (R$ 102.900) e pelo Mais Você (R$ 90.500). Aos finais de semana, 30 segundos no intervalo do Domingão do Faustão (R$ 376.400) custam algo bem próximo do futebol de domingo (R$ 397.100). Ambos superam (e muito) o custo do mesmo espaço no Caldeirão do Huck (R$ 188.600).

Todos os valores que constam neste texto são integrais, válidos para os meses de janeiro e fevereiro em inserções de 30 segundos veiculadas no mercado nacional. No entanto, a Globo costuma conceder desconto aos interessados durante a compra.

NOTÍCIAS RELACIONADAS
Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - redacao@agorarn.com.br
Comercial: (84) 98117-1718 - publica@agorarn.com.br
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.