BUSCAR
BUSCAR
Água
Após ruptura, obras em estrutura da barragem do Rio São Francisco são concluídas
O titular do MDR, Rogério Marinho, informou que amanhã (1º) terá início a perícia que apontará as causas do episódio
Redação
31/08/2020 | 18:00

As obras de recuperação do talude da barragem de Jati, no município homônimo, foram concluídas. O anúncio foi feito na manhã desta segunda-feira 31, pelo ministro do Desenvolvimento Regional (MDR), Rogério Marinho, através de suas redes sociais. O reservatório, que faz parte do Projeto de Integração do Rio São Francisco (Pisf), sofreu um dano na sua estrutura após a ruptura de um conduto, no último dia 21.

Sobre as reestruturações do conduto que rompeu e demais obras afetadas, como a casa de força, o MDR, através de sua assessoria, informou que isso ainda está sendo avaliado. A retomada do transporte das águas pelo Eixo Norte segue sem previsão, enquanto os testes para o Cinturão das Águas do Ceará não foram afetados.

Apuração

Nesta terça-feira 1º terá início a perícia que vai apurar o que causou o rompimento do duto. O relatório com o resultado deverá ficar pronto em até 21 dias. Para a investigação, foi contratada uma empresa independente. A construção da barragem foi concluída em 2018, entregue pelo grupo Serveng.  

O incidente causou a remoção de duas mil pessoas de áreas sob risco o reservatório, que retornaram após 72 horas do rompimento do conduto. A situação causou tumulto e, no dia seguinte ao episódio, uma comitiva com o próprio ministro Rogério Marinho, o secretário Nacional da Defesa Civil, o coronel Alexandre Lucas Alves, e o governador Camilo Santana visitou a cidade. 

Os técnicos do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) permanecem monitorando, diariamente, a barragem e atestam a segurança. A obra de recuperação durou dez dias. Ao todo, foram aproximadamente 100 máquinas e cerca de 200 trabalhadores, que se revezam em três turnos para cumprir o prazo um dia antes do previsto. 

Av. Hermes da Fonseca, N° 384 - Petrópolis, Natal/RN - CEP: 59020-000
Redação: (84) 3027-1690
[email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.