BUSCAR
BUSCAR
Decisão

Antenor diz que se não continuar vice, volta a trabalhar como procurador

Vice-governador do RN, Antenor Roberto, admite que é positiva a política de aliança de Fátima e elogia o MDB
Adenilson Costa
23/10/2021 | 08:27

“Se eu não for mantido na chapa de vice-governador do Rio Grande do Norte, as minhas alternativas são muitas, inclusive de voltar a minha atividade profissional de procurador do Estado. Então esse é o destino mais certo politicamente”. Foi com essa declaração que o vice-governador do Rio Grande do Norte, Antenor Roberto (PCdoB), recebeu em seu gabinete com exclusividade a nossa equipe de reportagem, nesta sexta-feira (22), para conversar sobre seus planos políticos para o pleito de 2022.

Segundo Antenor Roberto: “Eu estou vice-governador e tenho que seguir o que o meu partido (PCdoB) quer, que me disse que quer que eu continue sendo o vice-governador, então eu não posso pleitear outra candidatura nesse momento”. E afirmou: “É porque não teria sentido, como é que você está ocupando um cargo e vai declinar desse cargo para ocupar outro? Diferente de um deputado estadual, que pode pleitear ser federal ou vice e versa, ou ser senador, mas esse movimento, eu não posso fazer”, sinalizou o vice-governador do Estado sobre sua intenção de continuar caminhando ao lado da governadora Fátima Bezerra (PT).

Antenor Roberto Vice governador PCdoB 1
Antenor Roberto afirma que o PC do B não fará críticas à aliança com o MDB - Foto: José Aldenir / Agora RN

De acordo com Antenor, houve uma conversa entre a presidente nacional do PCdoB e vice-governadora do Estado de Pernambuco, Luciana Santos, com Fátima Bezerra, onde foi apresentada a intenção de continuar com a aliança entre os dois partidos no Rio Grande do Norte da forma “como está posta hoje”.

Questionado como avalia a aliança firmada entre o PT de Lula, com o MDB de Garibaldi Alves e o seu filho, o deputado federal Walter Alves, no Rio Grande do Norte visando a disputa majoritária para 2022, o vice-governador disse: “Digamos que se o MDB vier integrar a coligação, isso não repercute exclusivamente dobre o PCdoB. Isso integra os outros partidos também. É natural que isso aconteça, porque o MDB é um partido que existe em todo o Brasil, em todos os Estados da federação, mas ele nunca consegue se unificar nacionalmente. Ele termina fazendo caminhadas por Estado”. E continuou: “Então o que Lula fez foi uma coisa muito sábia. O Lula precisa do MDB no palanque dele, então mesmo que o MDB todo nacional não entre no palanque dele, vai ser importante se o MDB do Rio Grande do Norte apoiar Lula”, concluiu.

Dessa aliança entre petistas e mdbistas pode surgir uma chapa Fátima Bezerra governadora e Walter Alves seu vice, já o veterano Garibaldi Filho, teria a possibilidade de concorrer a cadeira de deputado federal (deixada pelo seu filho) ou disputar o Senado Federal. Perguntado se com a formação da aliança, o vice-governador sentia-se ameaçado a perder espaço na chapa de Fátima Bezerra, Antenor Roberto esclareceu: “Nós, enquanto partido, não seremos contrários a qualquer partido que vier somar com Fátima para a reeleição. O direito de pleitear esse espaço na chapa majoritária é legítimo de todos os partidos. Ao final, vai prevalecer o entendimento da maioria e, claro, sempre ouvindo os interesses maiores da governadora. Então, o PCdoB não vai hostilizar a vinda de qualquer aliado para apoiar a reeleição da governadora Fátima Bezerra” explicou.

Ainda segundo o vice-governador: “É muito importante que a gente não deixe pelo meio do caminho essa reconstrução que estamos fazendo no RN. Nós pegamos o Rio Grande do Norte falido, decretamos a calamidade financeira e orçamentária e estamos reorganizando o Estado. Então seria muito ruim para o povo do Rio Grande do Norte que essa reconstrução fosse abandonada e viesse essas forças tradicionais que já governaram”. E enfatizou: “Seria um grande retrocesso. Porque todas essas forças e inclusive alguns que podem até vir apoiar Fátima Bezerra, elas foram partícipes de todos esses governos do passado e são responsáveis pelo estado em que o RN se encontra”, pontuou.

Para o vice-governador: “Eu vi que o próprio partido dela [Fátima Bezerra] fez algumas críticas, setores do partido dela, mas o PCdoB não faz essa crítica pública de que é contra a entrada do MDB nessa união. Eu não me sinto ameaçado [com a aliança PT e MDB], porque nós temos que pensar em um projeto que vai servir ao povo do Rio Grande do Norte, como eu disse, o próprio MDB nos seus fóruns internos e o próprio PT é que vão fazer este debate, o PCdoB, seja o MDB, seja o Psol que venha apoiar Fátima, o PDT, qualquer partido desse, vem para somar na reeleição da governadora, porque o nosso campo de combate é o bolsonarismo, esse sim vai ter a sua candidatura contra a governadora Fátima Bezerra”, finalizou.

Indiciado pela PF, Juscelino Filho afirma inocência e diz que ação foi “política e previsível”
Ministro das Comunicações é investigado pelos crimes de corrupção passiva, lavagem de dinheiro e organização criminosa, segundo a Polícia Federal
12/06/2024 às 14:00
Assembleia Legislativa do RN lança campanha anticapacitista: “Principal objetivo é conscientizar a população”
Campanha é estrelada pelo influenciador potiguar Ivan Baron e pelos gêmeos autistas Ângelo e Augusto
12/06/2024 às 10:30
“Não é uma disputa entre governo e oposição”, afirma Raimundo Alves sobre TCE
Secretário-chefe da Casa Civil afirma que eleição para Corte de Contas é uma questão legislativa e que governo torce por George por ele ser aliado de Fátima Bezerra
12/06/2024 às 07:49
CNJ abre processo contra desembargador aposentado que acusou Moraes de crimes
Sebastião Coelho da Silva disse que o ministro do STF fez “declaração de guerra ao país”
11/06/2024 às 21:58
Licitação da Adutora do Agreste será em julho, anuncia Codevasf
Governadora Fátima Bezerra participou de audiência com o diretor-presidente da Codevasf nesta terça-feira 11
11/06/2024 às 20:19
PowerPoint: STF mantém obrigação de Dallagnol pagar R$ 75 mil a Lula
A Primeira Turma do STF, por unanimidade, manteve decisão da relatora para obrigar que o ex-procurador da Lava Jato indenize Lula
11/06/2024 às 19:11
Pacheco devolve parte da MP do PIS/Cofins
Medida Provisória compensa desoneração da folha de pagamento de 17 setores da economia e de municípios
11/06/2024 às 17:57
Projeto que beneficia pais de pessoas com deficiência é aprovado em plenário na CMN
Projeto garante a reinserção no mercado de trabalho de pais ou responsáveis por pessoas com deficiência, em caso de falecimento desses filhos
11/06/2024 às 14:24
Comissão da Câmara aprova devolução de valores em cartões eletrônicos a usuários de ônibus
PL define que os créditos são de propriedade do usuário, deverão estar vinculados ao CPF, não terão validade para vencimento
11/06/2024 às 10:24
PF encontra nova joia que teria sido negociada por Jair Bolsonaro nos EUA
A suspeita é de que a joia tenha sido presente de um país do Oriente Médio ao então presidente
11/06/2024 às 08:37
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.