BUSCAR
BUSCAR
Fiscalização

ANP autua 8 postos de combustíveis no RN

A ação fez parte das fiscalizações realizadas entre 18 a 21 de setembro
Redação
25/09/2023 | 18:51

A Agência Nacional do Petróleo Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) divulgou o resultado das ações de fiscalizações realizadas no país entre os dias 18 e 21 de setembro nesta segunda-feira, 25.

Foram verificadas, entre as 13 unidades de Federação, o Rio Grande do Norte, que teve sete municípios visitados.

ANP vistoriou sete municípios do RN. Foto: José Aldenir / Agora RN
ANP vistoriou sete municípios do RN. Foto: José Aldenir / Agora RN

Foram vistoriados postos de combustíveis, revendedores de combustível de aviação e transportadores-revendedores-retalhistas (TRR) das cidades de Ceará-Mirim, Extremoz, Macaíba, Natal, Parnamirim, São Gonçalo do Amarante e São José do Mipibu.

Na fiscalização, foram verificados a qualidade dos combustíveis, o fornecimento do volume pelas bombas medidoras, a adequação dos equipamentos e instrumentos necessários ao correto manuseio dos produtos, as documentações de autorização de funcionamento das empresas e as relativas às movimentações dos combustíveis.

Resultados divulgados pela ANP no RN

Em Natal, um posto de combustíveis foi autuado e interditado por desatualização cadastral junto à entidade, além de utilizar equipamentos em más condições de uso e de conservação.

Outro estabelecimento da capital foi autuado por apresentar termodensímetro (equipamento para verificar aspectos de qualidade) com defeito e por não atender às normas mínimas de segurança.

No município de Ceará-Mirim, um posto de combustíveis foi autuado por não possuir instrumento de análise de qualidade dos combustíveis, teste que pode ser exigido pelo consumidor. Além disso, o posto apresentou termodensímetro com defeito.

Em Extremoz, um estabelecimento foi autuado por apresentar medida-padrão de 20 litros em contraste com a legislação. O posto de combustíveis também utilizava bombas de etanol hidratado e gasolina C comum em más condições.

Já em Parnamirim, foram autuados dois postos de combustíveis. Os motivos da autuação foram não possuir os equipamentos necessários para a realização de análises de qualidade dos combustíveis e utilização da bomba medidora do óleo diesel B S500 aditivado em más condições de uso.

Ainda no município, um terceiro posto foi interditado por armazenamento e comercialização de gasolina C comum fora das especificações. Em São Gonçalo do Amarante, um posto de combustíveis foi autuado e interditado pelo mesmo motivo.

 

 

 

 

Lulu Santos é internado em hospital após passar mal e shows são cancelados
Cantor foi internado e ficará em observação por dois dias
08/06/2024 às 18:13
STF marca para dia 12 julgamento sobre correção do FGTS
Discussão foi interrompida em novembro do ano passado
03/06/2024 às 12:14
Governo Central tem superávit primário de R$ 11,1 bilhões em abril
Resultado fica abaixo da expectativa de especialistas
28/05/2024 às 14:46
IBGE: calamidade prejudica coleta de preços para cálculo da inflação
Instituto precisou imputar preços de hortaliças e verduras
28/05/2024 às 12:12
Renegociação do Desenrola Fies termina na próxima sexta-feira
Até o dia 15, haviam sido renegociados mais de R$ 12,92 bilhões
27/05/2024 às 16:07
Nível do Guaíba em Porto Alegre volta a ficar abaixo dos 4 metros
Defesa Civil municipal alerta para risco de mais chuvas
27/05/2024 às 15:23
Auxílio Reconstrução: famílias devem confirmar dados a partir de hoje
Até o momento, estão contemplados com o auxílio 369 municípios gaúchos
27/05/2024 às 13:27
Magda Chambriard toma posse como presidente da Petrobras
Ela assumiu logo após ser eleita pelo Conselho de Administração
24/05/2024 às 12:12
Moraes quer responsabilizar big techs por publicações em redes sociais
É preciso garantir regulamentação adequada no setor, diz ministro
22/05/2024 às 16:08
Demitido da Petrobras, Prates terá direito a 6 meses de salário extra
Demitido da Petrobras, Jean Paul Prates terá de cumprir seis meses de quarentena, com salário mensal de R$ 133 mil até novembro
21/05/2024 às 15:55
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.