BUSCAR
BUSCAR
Pandemia
Alemanha deve discutir lockdown rígido para conter Covid-19
Alemanha está em lockdown parcial há seis semanas, com bares e restaurantes fechados. Algumas regiões já impuseram medidas mais duras
Agência Brasil
12/12/2020 | 20:58

A chanceler alemã Angela Merkel discutirá com líderes neste domingo 13 o aperto das restrições de bloqueio para conter um aumento nas infecções por covid-19, com o fechamento de escolas e lojas.ebcebc

A Alemanha está em lockdown parcial há seis semanas, com bares e restaurantes fechados. Algumas regiões já impuseram medidas mais duras.

As discussões de amanhã verificarão, dentre outros temas, se as lojas devem ser fechadas antes do feriado de Natal e o momento da mudança.

“Devemos tomar medidas nos próximos dias que são de muito longo alcance e muito contundentes”, disse o ministro das Finanças alemão, Olaf Scholz, a membros de seu partido social-democrata em um evento online.

A Alemanha, que tem a maior economia da Europa, teve mais sucesso do que muitos países europeus em manter a pandemia sob controle na primeira onda, em março e abril. Mas tem lutado para virar a maré na segunda onda da doença, com o que foi apelidado de lockdown lite (confinamento leve).

Novas infecções diárias subiram para 28.438, enquanto o número de mortes por dia foi para 496, mostram dados do Instituto Robert Koch (RKI) para doenças infecciosas.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.