BUSCAR
BUSCAR
Menino Ney
91% das reações na web à festa de Neymar são negativas, indica levantamento
O evento ocorre com shows de vários artistas em uma boate subterrânea com isolamento acústico para evitar a reclamação de vizinhos do condomínio
CNN
29/12/2020 | 16:27

Um levantamento feito pela consultoria Arquimedes indica que 91% dos internautas que comentaram sobre a festa dada por Neymar em Mangaratiba, no Rio de Janeiro, criticaram a aglomeração provida pelo jogador em meio a pandemia do novo coronavírus.

Entre os dias 26 e 28 de dezembro, 143 mil pessoas comentaram sobre o assunto no Twitter, onde o assunto chegou aos trending topics. Os outros 9% dos internautas que comentaram o assunto se limitaram a enfatizar as qualidades do jogador, atualmente no Paris Saint-Germain, dentro de campo.

O evento ocorre com shows de vários artistas em uma boate subterrânea com isolamento acústico para evitar a reclamação de vizinhos do condomínio.

O Ministério Público informou que analisa “representações encaminhadas para adoção das medidas eventualmente cabíveis”. Já a prefeitura de Mangaratiba informou que como se trata de propriedade particular, não cabe a prefeitura fazer qualquer fiscalização a não ser que ocorra uma denúncia formal.

A assessoria de imprensa de Neymar nega a festa. Porém, a CNN confirmou com o grupo de pagode “Vou pro Sereno” que eles estão entre os artistas que se apresentarão no evento. Um funcionário do condomínio também informou que o jogador proibiu a entrada de celulares na festa para evitar que imagens internas fossem divulgadas em redes sociais.

O condomínio está localizado numa área afastada do centro da cidade. A mansão de Neymar tem terreno de 10 mil metros quadrados, possui seis suítes, heliponto, quadra de tênis, espaço gourmet, adega subterrânea climatizada com capacidade para três mil garrafas, spar com jacuzzi aquecida, sauna a vapor, sala de massagem, sistema de som integrado, uma moderna academia e vaga para lancha de grande porte.

A festa promovida pelo jogador também repercute internacionalmente e tem impacto na rede hoteleira da cidade de Mangaratiba. Hotéis e pousadas registraram uma alta na taxa de ocupação, o que não vem acontecendo em tempos de pandemia.

Em nota, a prefeitura de Mangaratiba afirmou que “não foi oficialmente notificada da festa e que um evento para 500 pessoas deveria, ao menos, ter sido avisado aos órgãos responsáveis do município.” E destacou que se o evento está acontecendo “não é com o aval da prefeitura de Mangaratiba.”

Uma fonte do governo de Mangaratiba disse que a população está insatisfeita com a festa e com a repercussão envolvendo o nome da cidade. “O evento é um desrespeito sanitário, absurdo total”, concluiu.

A prefeitura de Mangaratiba informou que a cidade tem 44 mil habitantes e conta apenas com um hospital público e três unidades básicas de saúde. O município da Costa Verde do estado tem recomendações para a população local e turistas como, uso obrigatório de máscara, manter distanciamento e evitar qualquer tipo de aglomeração e o bom senso para a não realização de eventos, ainda que em propriedade privada durante o momento de pandemia em que o estado registra 24.905 mortes e 420.075 casos confirmados de pessoas contaminadas com a Covid -19.

A Secretaria de Saúde de Mangaratiba informou que a taxa de ocupação de leitos para Covid no Hospital Municipal Victor de Souza Breves neste domingo, 27/12, está em 11%.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - redacao@agorarn.com.br
Comercial: (84) 98117-1718 - publica@agorarn.com.br
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.