BUSCAR
BUSCAR
Declaração
Ruy Gaspar: “Nenhum governador fez tanta coisa como Robinson”
Filiado ao PSD, Ruy aposta na reeleição do atual governador, mesmo diante da rejeição apontada nas recentes pesquisas, por causa das realizações da gestão
Redação
06/06/2018 | 08:41

Ex-secretário estadual de Turismo durante a gestão do governador Robinson Faria, o empresário Ruy Gaspar deixou a pasta em abril para tentar viabilizar o nome para a disputa do Senado Federal. Filiado ao PSD, Ruy aposta na reeleição do atual governador, mesmo diante da rejeição apontada nas recentes pesquisas, por causa das realizações da gestão.

Nesta entrevista ao Agora RN, o ex-secretário e pré-candidato lista algumas das realizações do atual governo, critica a provável adversária para o Senado Zenaide Maia (PHS) e opina sobre questões relativas ao turismo, área na qual tem atuação.

Confira os principais destaques:

RENOVAÇÃO NA POLÍTICA

Existe uma insegurança muito grande da população sobre em quem vai votar. O número de eleitores indecisos é enorme. Os atuais pré-candidatos já exerceram vários cargos públicos e a população, pelo que tenho visto nas pesquisas, não os quer mais. A população quer alguma coisa nova, diferente. Nisto, alguns nomes podem surgir, entre eles o meu.

CHANCES DE ROBINSON FARIA

Acredito piamente na reeleição dele porque nenhum governador fez tanta coisa como Robinson Faria fez nesses três anos e meio de gestão. Tem problemas sim, mas tem obras importantes que foram feitas no governo dele.

OBRAS DO ATUAL GOVERNO

Temos os acessos Norte e Sul do Aeroporto de São Gonçalo do Amarante; a reestruturação da Avenida Moema Tinoco, que estava parada havia mais de quinze anos; a Estrada da Pipa, que vai ser totalmente revigorada; o Hospital da Mulher, em Mossoró; o tão sonhado voo ligando Mossoró a Recife, que é uma conquista muito grande para aquela região; temos o saneamento básico de Natal, que vai ser a primeira capital 100% saneada do Brasil, e isso repercute na saúde; temos a educação, que tem obtido bons resultados; e na segurança pública, com todos os problemas, temos um exemplo de modernização de cadeia em Alcaçuz.

ATRASO NO PAGAMENTO DOS SERVIDORES

A população acha que o governador não quer pagar, mas isso não existe. O Estado é obrigado a repassar para a Assembleia, para o Tribunal de Justiça, para o Tribunal de Contas e para as áreas de educação, saúde e segurança pública um percentual mínimo de sua arrecadação. O restante dessa receita é o que sobra para o Estado fazer o pagamento dos servidores públicos. E o que sobra não dá. Isso aconteceu porque, infelizmente, tivemos uma queda muito grande das receitas dos royalties do petróleo e também dos repasses da União.

EVENTUAL GOVERNO FÁTIMA BEZERRA

Ela prega um Estado muito mais estatal e menos liberal. Do jeito que o Estado está, se continuar mais estatal, aí é que não vai ter dinheiro para pagar absolutamente nada. O próximo gestor precisará tomar algumas atitudes muito fortes, inclusive demitir funcionários públicos. O Estado está inchado. Temos que enxugar a máquina, como é feito nas grandes empresas. Não sei se Fátima faria isso, pois não é o discurso dela.

EVENTUAL GOVERNO CARLOS EDUARDO

Enquanto ele era prefeito de Natal, eu vi faltas de atitude em coisas simples. Temos atualmente uma degradação das praias do Meio e dos Artistas. Entra prefeito, sai prefeito e nenhuma providência foi tomada ali. Carlos Eduardo foi prefeito durante mais de uma década. É preciso um prefeito que tenha coragem e vontade para mudar aquela região, que tem tudo para se desenvolver. Nós temos uma das orlas mais bonitas do Brasil, mas hoje ela é uma das mais feias.

HOTEL REIS MAGOS

O Hotel Reis Magos não tem uma história como tem o Forte dos Reis Magos. Ele tem que ser derrubado para dar lugar a um megaempreendimento. Tem que ser feito alguma coisa ali, mas deixa o dono decidir sem interferência da Prefeitura ou do Estado. Aquela área tem um potencial enorme, não só de geração de emprego e renda, mas também turístico.

“MAQUIAGEM DA PREFEITURA”

Na minha visão, Carlos Eduardo fez uma maquiagem em Natal. Administrar após Micarla [de Sousa, ex-prefeita] é muito fácil. Na gestão dele não teve nada que você olhe e diga assim: ‘isso foi revolucionário’. Eu não vi absolutamente nada.

ZENAIDE MAIA, PROVÁVEL ADVERSÁRIA

Na minha opinião, ela não é um bom nome. É uma pessoa que não tem acrescentado absolutamente nada na política potiguar. Tem um discurso totalmente populista. É muito fácil vender o discurso que ela está vendendo. É um conteúdo fraco. Sinceramente, torço que ela não seja eleita.

DESEMPENHO NAS PESQUISAS

Me coloquei como pré-candidato, mas nunca apareci muito. Não tenho ido ao interior, por exemplo. Ficou apenas a marca do meu trabalho, do que foi feito no período em que eu fui secretário estadual de Turismo. Eu até fiquei extremamente feliz com o resultado da última pesquisa, porque, sem fazer nada, eu tenho quase 1%, quase 10% dos votos de Agripino, Zenaide e Garibaldi, que são três pessoas conhecidas.

PLATAFORMA DE CAMPANHA

Se eu decidir ser candidato, obviamente minha plataforma será o turismo. O potencial turístico do nosso estado é muito grande, mas nunca foi ‘comprado’ por nenhum político. O turismo aqui no estado movimenta 55 atividades econômicas. Quantas pessoas vivem direta ou indiretamente do turismo? Muitas!

“ESTRADA DA SERRA”

Como senador, daria para fazer isso. Eu acredito no turismo de serra da região das cidades de Portalegre e Martins. O nordestino não tem isso. Facilmente poderíamos atrair, com uma estrada asfaltada, o turista de cidades como Patos, na Paraíba. Atualmente temos dois polos, que são Monte das Gameleiras e Serra de São Bento. Lá temos festivais na região. São duas cidades serranas nas quais apostei enquanto secretário.

GERAÇÃO DE RIQUEZA

Conseguimos atrair dois megaempreendimentos recentemente, que foi o Vila Galé [em Touros] e o Six Senses [em Baía Formosa], este último com investimento de R$ 2 bilhões. São megainvestimentos. É isso que precisamos ter em nosso estado. O que gera riqueza não é funcionário público, e sim empresas fortes. É nisso em que eu acredito. Como senador, lutaria por isso.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - redacao@agorarn.com.br
Comercial: (84) 98117-1718 - publica@agorarn.com.br
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.