BUSCAR
BUSCAR
Postura
“Prioridade máxima do PT é o movimento contra as reformas”, diz novo presidente estadual
Como representante maior no estado, Souto terá grande influência na escolha de membros do partido para disputarem cadeiras nas próximas eleições
Boni Neto
09/05/2017 | 05:20

O ex-deputado estadual Júnior Souto foi eleito o novo presidente do Partido dos Trabalhadores no Rio Grande do Norte no começo deste mês, durante a Etapa Estadual do 6º Congresso do PT realizada no auditório do Sindicato dos Trabalhadores em Educação (Sinte-RN). Como representante maior no estado, Souto terá grande influência na escolha de membros do partido para disputarem cadeiras nas próximas eleições, em 2018. O novo presidente do PT, todavia, garantiu que o atual momento é de grande concentração na luta contra as reformas trabalhista e previdenciária propostas pelo presidente Michel Temer.

“No momento, o PT está voltado para o processo de resistência contra as reformas previdenciária e trabalhista. Nossas atenções estão apenas nisso. Em setembro, está previsto um evento de cunho nacional, em que iremos produzir estratégias eleitorais. A partir daí, iremos discutir mais claramente nossas intenções para 2018. Estamos priorizando no momento a luta contra as reformas”, explicou Júnior, em entrevista concedida ao Agora Jornal.

O presidente estadual do PT, todavia, garantiu que será produzido um cronograma que vai elencar todos os problemas do Rio Grande do Norte, que servirão como base para a idealização de um discurso de metas para o partido no próximo ano. “A ideia de um programa para o Rio Grande do Norte acontecerá; haverá um cronograma de discussões já que estamos preocupados com os problemas que o estado enfrenta, como atraso de pagamento, os efeitos da reforma previdenciária no planejamento de segurança, dentre outros.

Queremos observar, através de debates entre petistas e não petistas, esses elementos problemáticos para construir nossa proposta para 2018. Temos a intenção de pensar em alternativas para o interesse do povo, e contribuir com a valorização e geração de empregos. Tudo isso apresentaremos em um projeto bem trabalhado durante uma discussão mais adiante”, contou.

Atualmente senadora em Brasília, Fátima Bezerra, tem seu nome ventilado tanto nos bastidores quanto entre a população norte-rio-grandense para disputar as eleições para o cargo de governadora do estado em 2018. Júnior Souto, por sua vez, não confirmou os planos do PT de tentar o pleito com a ajuda de Fátima. Ele, todavia, admitiu que se trata de um nome forte e que vem sendo bem visto pelo povo.

“A discussão sobre 2018 – especialmente a definição do nome pelo qual o PT vai escolhe –, não tem seu momento, por enquanto. A prioridade máxima é o movimento contra as reformas, como mencionado. O que posso dizer agora é que sentimos cada vez mais e de forma evidente uma vontade popular e da sociedade que o nome de Fátima seja colocado no pleito de governadora.

Todos nós a acompanhamos há muito tempo; sabemos que ela tem coragem e que isso nunca lhe faltou como, por exemplo, na hora de concorrer a um cargo federal, que ela conquistou. A Fátima não tem faltado coragem, mas há um momento para cada coisa. Nosso projeto majoritário será apresentado só mais adiante”, disse Souto, que prometeu revelar alianças e um nome para o Senado em breve. “Podemos afirmar que temos um projeto majoritário de candidaturas. Teremos projetos para, por exemplo, governador e senador. Mas é algo que falaremos eventualmente”, completou.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.