BUSCAR
BUSCAR
Mais um
Bolsonaro anuncia Ernesto Araújo no ministério das Relações Exteriores
Em sua conta oficial no Twitter, presidente eleito disse que política externa deve ser parte de 'regeneração' do País
Agência Estado
14/11/2018 | 16:10

O presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), anunciou na tarde desta quarta-feira, 14, o embaixador Ernesto Araújo como seu futuro ministro das Relações Exteriores. Bolsonaro usou sua conta oficial no Twitter para o anúncio.

“Informo a todos a indicação do Embaixador Ernesto Araújo, diplomata há 29 anos e um brilhante intelectual, ao cargo de Ministro das Relações Exteriores”, escreveu o presidente eleito. “A política externa brasileira deve ser parte do momento de regeneração que o Brasil vive hoje.”

Araújo é diretor do Departamento dos Estados Unidos, Canadá e Assuntos Interamericanos do Itamaraty. Ele concorria ao cargo com outros nomes, entre eles, Marcos Galvão, atual secretário-geral das Relações Exteriores. Durante a campanha, o diplomata criou um blog defendendo as ideias do então candidato do PSL.

Bolsonaro já havia indicado que escolheria um diplomata de carreira para a vaga. O anúncio vem após declarações do presidente eleito terem gerado reações de parceiros comerciais do Brasil. Na semana passada, o governo do Egito adiou, sem previsão de nova data, uma visita oficial que o atual chanceler brasileiro, Aloysio Nunes, faria ao país no último fim de semana. O cancelamento foi uma resposta à intenção de Bolsonaro de mudar a embaixada brasileira de Tel-Aviv para Jerusalém.

A mudança, caso concretizada, significaria um alinhamento brasileiro com Israel e o abandono de uma posição de equilíbrio mantida por décadas pelo Itamaraty. Os países árabes, quinto maior destino das exportações brasileiras, apoiam a Palestina e deixaram clara sua discordância com a medida.

Sede: Rua dos Caicós, 2305-D, Nossa Sra. de Nazaré. Natal/RN | CEP: 59060-700
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.