[Vídeo] Parente da criança assassinada lamenta: “família está transtornada”
Murilo Felinto, que é ex-secretário de Turismo de Natal, é primo da mãe da criança. Ele foi ao ITEP prestar solidariedade aos parentes
Por Redação - Publicado em 30/09/2015 às 11:46

O primo da mãe da criança assassinada pelo pai nesta quarta-feira (30) concedeu entrevista na manhã de hoje. Murilo Felinto, que é ex-secretário de Turismo de Natal, lamentou o ocorrido e está no Itep para prestar apoio à família, que, segundo ele, está “transtornada” com o ocorrido.

A criança tinha três anos de idade e foi assassinada a tiros pelo pai, o advogado Adriano Benvindo Neri, 33, em um condomínio no bairro do Tirol.

Após atirar contra o filho, Adriano tirou a própria vida. Ele tinha se separado recentemente da esposa e perdeu a guarda do filho.

Nessa terça-feira (29), o homem pediu para ficar o dia com a criança, o que foi autorizado pela mãe. Como o pai não levou a criança no horário combinado, a mãe foi ao plantão judicial e pediu autorização para que a Polícia Militar entrasse no condomínio. Chegando lá, a PM encontrou ambos sem vida.