BUSCAR
BUSCAR
Celeridade processual
Projeto de videoconferência no sistema prisional está em implantação pela Seap
A implantação dessa tecnologia promoverá a redução de gastos com escoltas
Redação
31/07/2019 | 14:38

A Secretaria de Administração Penitenciária (Seap/RN) está concluindo a implantação do projeto que permitirá videoconferência dentro do sistema prisional do estado, restando apenas a instalação do software e o treinamento dos servidores, pelo Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN).

O projeto faz parte de um termo de cooperação técnica assinado, entre o Estado por meio da então Secretaria de Estado da Justiça e Cidadania (Sejuc), e o TJRN, em 2016 e efetivado agora pela atual gestão da Seap/RN.

O tribunal fez a doação das estações de trabalho, enquanto que o Ministério Público do Rio Grande do Norte fez a doação das câmeras e estabilizadores “no break”, que foram instaladas na Cadeia Pública de Natal, no Presídio de Parnamirim e no Complexo Penal João Chaves.

Após a instalação dos programas, o processo de videoconferência permitirá comunicação entre as unidades prisionais e o Judiciário. Com isso, haverá celeridade processual, tendo em vista que os acusados poderão ser ouvidos, seja como acusado ou testemunha, independentemente do local de custódia.

A implantação dessa tecnologia promoverá a redução de gastos com escoltas das pessoas privadas de liberdades para o comparecimento em audiências, trazendo mais segurança para os agentes de segurança pública e demais autoridades que adentram em unidades de segurança durante o trâmite processual.

Av. Hermes da Fonseca, N° 384 - Petrópolis, Natal/RN - CEP: 59020-000
Redação: (84) 3027-1690
[email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.