BUSCAR
BUSCAR
Foragidos
Presídio em Rio Branco registra fuga de 26 detentos nesta segunda-feira, 20
Detentos escaparam por um buraco aberto na parede de uma cela, usando cordas improvisadas com lençóis para escalar o muro do estabelecimento penal
Agência Brasil
20/01/2020 | 15:44

Ao menos 26 presos fugiram da Penitenciária Francisco d´Oliveira Conde, em Rio Branco (AC), na madrugada desta segunda-feira, 20. Segundo a Secretaria de Estado da Justiça e Segurança Pública, os detentos, que cumpriam pena em regime fechado, escaparam por um buraco aberto na parede de uma cela do Pavilhão L. Após acessar o pátio, o grupo usou cordas improvisadas com lençóis para escalar o muro do estabelecimento penal.

De acordo com a secretaria, o governo estadual já solicitou apoio de outras instituições, inclusive federais e de estados vizinhos, para tentar evitar que os presos deixem o estado e sejam recuperados o quanto antes. Barreiras policiais foram instaladas ou reforçadas em Rio Branco com a ajuda da Polícia Rodoviária Federal e do Exército.

A Polícia Federal foi acionada para auxiliar na fiscalização em aeroportos, enquanto à Agência Brasileira de Inteligência (Abin) e ao Ministério Público foram solicitados apoio à investigação de eventuais responsabilidades pela fuga dos detentos.

Forças policiais estão no local, dando apoio à recontagem dos presos e reforçando a segurança no presídio. Além disso, para evitar novas fugas, a Secretaria de Estado da Justiça e Segurança Pública determinou a revista em todos os estabelecimentos penais do estado.

Ao menos 26 presos fugiram da Penitenciária Francisco d´Oliveira Conde, em Rio Branco (AC), na madrugada de hoje (20). Segundo a Secretaria de Estado da Justiça e Segurança Pública, os detentos, que cumpriam pena em regime fechado, escaparam por um buraco aberto na parede de uma cela do Pavilhão L. Após acessar o pátio, o grupo usou cordas improvisadas com lençóis para escalar o muro do estabelecimento penal.

De acordo com a secretaria, o governo estadual já solicitou apoio de outras instituições, inclusive federais e de estados vizinhos, para tentar evitar que os presos deixem o estado e sejam recuperados o quanto antes. Barreiras policiais foram instaladas ou reforçadas em Rio Branco com a ajuda da Polícia Rodoviária Federal e do Exército.

A Polícia Federal foi acionada para auxiliar na fiscalização em aeroportos, enquanto à Agência Brasileira de Inteligência (Abin) e ao Ministério Público foram solicitados apoio à investigação de eventuais responsabilidades pela fuga dos detentos.

Forças policiais estão no local, dando apoio à recontagem dos presos e reforçando a segurança no presídio. Além disso, para evitar novas fugas, a Secretaria de Estado da Justiça e Segurança Pública determinou a revista em todos os estabelecimentos penais do estado.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.