BUSCAR
BUSCAR
Investigação
Operação “Despesca”: Polícia Civil prende três suspeitos em São Gonçalo do Amarante
Um dos homens foi preso pela suspeita da prática do crime de homicídio
Redação
16/07/2020 | 13:23

Policiais civis da Força-Tarefa da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) deflagraram, na manhã desta quinta-feira (16), a Operação “Despesca”, visando o cumprimento de mandados de busca e apreensão e prisão temporária, resultado de investigação da prática do crime de um homicídio.

Ao todo, foram presos três suspeitos e os mandados foram cumpridos nas cidades de São Gonçalo do Amarante, no Bairro Barreiros e nas cidades de Natal e João Pessoa (PB). A operação contou com a participação de 63 policiais civis e 24 policiais militares.

O crime ocorreu no dia 06 de maio deste ano, na Rua São Sebastião, no bairro Barreiros, no município de São Gonçalo do Amarante, tendo como vítima dos disparos de arma de fogo o vigilante Wagner Wanderley de Araújo, 41 anos. Durante o cumprimento dos mandados, três suspeitos foram presos, sendo dois em flagrante delito.

Horácio Dantas de Oliveira, ex-policial militar, 48 anos, foi autuado por posse irregular de arma de fogo; Gutemberg de Oliveira Moreira, 28 anos, foi preso em cumprimento a um mandado de prisão temporária, sendo investigado por este crime de homicídio.

Durante as diligências, foram apreendidas duas armas de fogo, sendo uma pistola calibre .380, uma espingarda calibre .32, além de uma munição calibre .40. As investigações acerca do crime de homicídio que vitimou Wagner Wanderley continuarão sendo realizada pela Força-Tarefa da DHPP com atuação no município de São Gonçalo do Amarante.

A Polícia Civil solicita que a população continue enviando informações de forma anônima, através do Disque Denúncia 181.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.