BUSCAR
BUSCAR
Violência
Dois detentos são encontrados mortos no Presídio Rogério Coutinho Madruga
Ainda não há informações sobre as circunstâncias da mortes; corpos foram localizados no Pavilhão 05 durante o domingo, 25
Redação
26/02/2018 | 08:53

Os corpos de dois homens foram encontrados dentro do Pavilhão 05 do  Penitenciária Estadual Rogério Coutinho Madruga, em Nísia Floresta, na região metropolitana da Natal.

Lázaro Luís de França Ferreira, de 34 anos, o “nego Lazaro” e Shakespeare Costa de França, 24 anos, o “Sheik”, estavam presos na unidade, respectivamente desde 2014 e 2017, respondiam por tráfico de drogas, homicídio, assalto, porte ilegal de armas, entre outros.

lázara luís frança
Lázaro Luís de França Ferreira, de 34 anos, o “nego Lazaro”
Foto: Reprodução

Os dois presos foram encontrados mortos no Penitenciária Estadual Rogério Coutinho Madruga, na noite deste domingo, 25. Eles estavam no Pavilhão I, Cela 08, da Ala A, com outros dez detentos.

shakespereare
Shakespeare Costa de França, 24 anos, o “Sheik”
Foto: Reprodução

Estas foram as primeiras mortes do complexo prisional desde o massacre ocorrido em janeiro de 2017. Após uma rebelião iniciada no Pavilhão 05, um total de 26 presidiários foram assassinados.

Os corpos foram achados mortos (enforcados com lençóis) por volta das 21h, durante ronda efetuada pelos agentes penitenciários de plantão.

A direção do Rogerio Coutinho Madruga acionou a Delegacia Especializada em Homicídios e o ITEP. As circunstâncias das mortes serão investigadas pela polícia civil e só o laudo do Instituto Técnico poderá determinar a real causa da morte.

Errata: Foto do complexo penal de Alcaçuz foi feita pelo repórter fotográfico Ney Douglas. Pedimos desculpas pelo transtorno.

Sinceramente, Jalmir Oliveira.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.