BUSCAR
BUSCAR
Detido
Chefe de organização criminosa é preso pela PM após denúncia ao MPRN
Francisco dos Santos, o Veio, foi localizado após um telefonem, homem apontado como sendo chefe de uma organização criminosa especializada em roubos a agências e bancos
Redação
28/05/2018 | 10:20

O Batalhão de Polícia de Choque da Polícia Militar (BPChoque) prendeu neste domingo (27) um homem apontado como sendo chefe de uma organização criminosa especializada em roubos a agências dos Correios e bancos. Francisco Argemiro Pereira dos Santos, o Veio, foi localizado após um telefonema anônimo ao Disque Denúncia 127 do Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN). Contra ele, havia seis mandados de prisão expedidos pela Justiça Federal potiguar.

Um telefonema anônimo ao MPRN, feito neste domingo informou o paradeiro de Francisco Argemiro. O MPRN repassou a informação à PM, que localizou o criminoso em uma casa na rua João Ângelo da Fonseca, no bairro Regomoleiro, em São Gonçalo do Amarante.

No momento da abordagem policial, Francisco Argemiro apresentou documentos falsos e também vai responder por esse crime. Ele foi encaminhado ao sistema prisional para cumprir a pena a que é condenado.

127
O Disque Denúncia 127 é um canal direto do MPRN para denúncias de crimes em geral. O cidadão pode ligar gratuitamente para o número. A identidade da fonte será preservada.

Além do telefone, as denúncias também podem ser encaminhadas por Whatsapp para o número (84) 98863-4585 ou e-mail para disque.denuncia@mprn.mp.br. Os cidadãos podem encaminhar informações em geral que possam levar à prisão de criminosos, denunciar atos de corrupção e crimes de qualquer natureza. No Whatsapp, são aceitos textos, fotos, áudios e vídeos que possam comprovar as informações oferecidas.

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - redacao@agorarn.com.br
Comercial: (84) 98117-1718 - publica@agorarn.com.br
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.