BUSCAR
BUSCAR
Crime

Cacique relata ameaças de morte e Natália aciona ministérios para apurar o caso

Liderança indígena afirmou que dois homens invadiram casa de seu irmão acreditando que cacique morava no local
11/05/2024 | 09:07

O cacique Luiz Katu, da Aldeia Katu, no litoral Sul potiguar, usou as redes sociais nesta semana para denunciar que vem recebendo ameaças de morte e tentativas de intimidação por denunciar uma suposta ação ilegal do agronegócio e extração proibida de madeira na região.

Segundo o cacique, nesta semana dois homens invadiram a casa do seu irmão acreditando que o cacique morava no local. Como não o encontrou, a dupla saiu do Liderança indígena afirmou que dois homens invadiram casa de seu irmão acreditando que cacique morava no local Ronald Pereira e Robson Calixto Fonseca, o Peixe, foram denunciados, na quinta- -feira 9, por envolvimento com supostos mandantes do crime.

Cacique Luiz Katu Foto: Jana Sá / Cedida
Cacique Luiz Katu, da Aldeia Katu, vem denunciando atuação do agronegócio na região e extração ilegal de madeira. Foto: Jana Sá/Cedida

Os homens ainda não foram identificados. “Tenho sofrido ataques, intimidações, formas de cooptação e tentativas contra a minha vida, para me calar e não continue denunciando os atos criminosos contra a nossa floresta. Não vou me calar, continuo na resistência”, afirmou o cacique, acrescentando que não ceder às tentativas de intimidação.

O cacique afirmou que registrou a ocorrência na Polícia Civil e cobrou providências. Após a denúncia, a deputada federal Natália Bonavides (PT) informou nesta sexta-feira 10 que acionou os ministérios dos Direitos Humanos e dos Povos Indígenas para que as duas pastas do Governo Federal acompanhem de perto do caso das ameaças à liderança indígena.

Natália declarou, ainda, que entrou em contato com o cacique e providenciou a denúncia do crime às autoridades.

“É absurda essa situação enfrentada pelo cacique Luiz Katu. Estamos ao lado dele nessa luta. Além de ser uma questão de defesa dos povos indígenas é também uma defesa dos nossos recursos naturais. Em um momento que enfrentamos essa imensa catástrofe no Rio Grande do Sul, pessoas como o cacique Katu, que defendem a preservação do meio ambiente, recebem esse tipo de ataque por causa dessa atuação”, declarou a parlamentar do RN.

NOTÍCIAS RELACIONADAS
PF indicia Juscelino Filho sob suspeita de corrupção e organização criminosa
Além disso, ministro é suspeito de lavagem de dinheiro, falsidade ideológica e fraude em licitação
13/06/2024 às 08:17
Polícia Civil prende mulher condenada por tentativa de homicídio no RJ; prisão aconteceu em Campo Redondo
Prisão ocorreu em decorrência de uma sentença expedida pelo TJRJ
12/06/2024 às 15:55
Operação no RN e mais 3 estados prende ‘casal do tráfico’, bloqueia R$ 35 milhões e apreende imóveis e outros itens de luxo
Investigações foram iniciadas há 6 meses e apuram tráfico de drogas e outros crimes
04/06/2024 às 08:15
ROCAM prende homem por tráfico de drogas no bairro da Redinha
Na abordagem, foram encontradas 09 porções de crack, dinheiro e embalagens para drogas
01/06/2024 às 17:38
Polícia Militar prende dois homens por porte ilegal de arma de fogo na rodovia que liga a cidade de Rafael Godeiro/RN à BR 226
Foram encontradas duas armas de fogo, além de 55 munições calibre 9mm em posse da dupla
01/06/2024 às 16:56
VÍDEO: câmeras corporais capturam o momento em que um policial militar dispara e mata idoso inocente em SP
Disparo fatal foi feito de dentro de viatura da Polícia Militar; especialistas apontam erro de procedimento
01/06/2024 às 13:51
Ciclista morre atropelado e outro fica ferido na BR-110
O veículo suspeito, um Gol de cor vermelha, fugiu do local sem prestar socorro às vítimas
26/05/2024 às 11:50
Mulher é assassinada dentro de casa em Mossoró
Testemunhas relataram que, durante uma reunião familiar, um homem sacou uma arma e disparou contra a vítima
26/05/2024 às 11:41
7 acusados viram réus por abertura de esmalterias no RN com dinheiro do crime
A denúncia é fruto da operação Grammer, deflagrada em abril deste ano. Agora considerados réus, os denunciados responderão a uma ação penal
25/05/2024 às 10:18
Justiça dá 30 dias para nomeação de novos policiais civis no Estado
Os candidatos a serem nomeados são 20 delegados, 64 agentes e 71 escrivães
25/05/2024 às 09:12
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.