Publicidade
Coluna
Notas e informes: Até o fim da pandemia
Por Redação - Publicado em 24/03/2020 às 00:40
O ministro do Supremo Tribunal Federal Marco Aurélio Mello suspendeu cortes no programa Bolsa Família e determinou a garantia de liberação uniforme de recursos para novos beneficiados entre os estados até o fim do período de estado de calamidade pública decretado pelo governo federal após avanço do coronavírus.

A decisão também ordena à União que disponibilize dados a justificar a concentração de cortes na região Nordeste. A ação foi movida por seis estados, incluindo o RN, após as informações de que o governo Jair Bolsonaro priorizou o Sul e o Sudeste na liberação de novos benefícios em detrimento do Nordeste.

Subnotificação

O Brasil teria hoje mais de 15 mil casos do novo coronavírus – onze vezes mais do que os 1.546 registrados oficialmente. A estimativa é do Centro para Modelagem Matemática de Doenças Infecciosas da London School of Tropical Medicine, do Reino Unido, que fez uma estimativa da subnotificação da covid-19 em vários países. O levantamento mostra que no Brasil apenas 11% do total de casos foram diagnosticados.

Aumento da frota I

A Prefeitura do Natal avaliou que não foi sábia a decisão de reduzir drasticamente a oferta de ônibus na cidade. O que se viu ontem foram ônibus lotados, indo de encontro à recomendação das autoridades de se evitar aglomerações.

Aumento da frota II

A partir de hoje, a frota será reforçada, principalmente nos horários de pico. Serão 46 veículos a mais. Os trajetos começarão às 5h, com as últimas viagens saindo às 20h.

Perda grande

No Rio Grande do Norte, o setor de turismo, combalido mesmo antes da pandemia, nem consegue calcular o tamanho do prejuízo decorrente da suspensão de viagens. Algumas entidades já preveem o fechamento de hotéis e demissões em massa a partir do mês que vem.

Adiamento

As autoridades resistem, mas será inevitável não pensar em adiar as eleições municipais este ano - pelo menos para dezembro. Não que em outubro (data do pleito) a expectativa seja de surto de Covid-19 ainda alto. O problema é que há um calendário que antecede as eleições, a começar pela própria campanha eleitoral. Como serão o corpo a corpo e as caminhadas na comunidade em plena pandemia?

Vereador com covid-19

O vereador de Natal Ney Lopes Júnior, que se recuperou de uma pneumonia semanas atrás, foi internado ontem à tarde com suspeita de coronavírus. O pai dele, o ex-deputado federal Ney Lopes de Souza, disse à coluna, contudo, que o filho tem apenas sintomas gripais. Boa recuperação ao vereador!

Banco da praça

No interior do Espírito Santo, a prefeitura teve de adotar uma medida drástica para evitar que os idosos, grupo mais vulnerável ao Covid-19, saiam de casa. Bancos de concreto que ficam na Avenida Dom Bosco, no centro de Marilândia, foram tirados dos canteiros.

Publicidade
Publicidade