BUSCAR
BUSCAR
Fogo
Sibéria tenta controlar quase 200 focos de incêndio florestal
Aumento da temperatura e solo seco contribuíram para incêndios deste ano. Cerca de 5 mil pessoas estão tentando controlar o fogo
Redação
16/07/2020 | 15:16

Bombeiros na Sibéria estão lutando para manter um incêndio florestal na região de tundra sob controle nesta quinta-feira (16). Segundo a mídia russa, pelo menos 300 focos de incêndio foram registrados neste mês por conta do clima quente.

De acordo com o jornal russo The Moscow Times, a fumaça dos incêndios florestais já chegou nas cidades.

O serviço de proteção aéreo de florestas da Rússia, a agência especializada no cuidado e contenção de incêndios florestais, disse que mais de 5 mil pessoas estavam trabalhando para controlar 197 focos de incêndios ativos na quarta-feira (15).

Segundo o jornal The Moscow Times, os incêndios são causados pelo aumento anormal das temperaturas desde janeiro e pelo solo seco.

Especialistas alertam que o problema piora todos os anos. Incêndios florestais são esperados durante o verão no Hemisfério Norte, mas o número de focos e o tamanho da área consumida pelo fogo continua aumentando.

*Com informações do R7

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.