BUSCAR
BUSCAR
Comentário
Em aparição excepcional, presidente alemão diz que pandemia é “teste de humanidade”
Frank-Walter Steinmeier, quebrou silêncio e fez um discurso à nação neste sábado (11) para falar sobre o coronavírus
Redação
11/04/2020 | 14:48

Geralmente longe dos holofotes, o presidente alemão, Frank-Walter Steinmeier, quebrou o silêncio e fez um discurso à nação neste sábado (11) para falar sobre o coronavírus. O líder afirmou que a pandemia “não é uma guerra” mas um “teste de nossa humanidade”.

“Não, esta pandemia não é uma guerra. As nações não se enfrentam umas às outras, nem soldados a outros soldados. É um teste de nossa humanidade”, disse o presidente em um discurso televisionado.

Essa crise “tira o melhor e o pior das pessoas. Mostremos aos outros o melhor de nós mesmos”, continuou, em um apelo à solidariedade.

Steinmeier destacou que a Alemanha não poderá sair dessa situação forte se os países vizinhos “também não estiverem fortes e saudáveis”.

“Nós, alemães, não só estamos sendo chamados a mostrar solidariedade à Europa, é nossa obrigação fazê-lo”, afirmou o presidente, lembrando a comemoração neste ano dos 75 anos do final da Segunda Guerra Mundial e da vitória contra o regime nazista.

*Com informações da AFP | UOL

Av. Hermes da Fonseca, N° 384 - Petrópolis, Natal/RN - CEP: 59020-000
Redação: (84) 3027-1690
[email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.