BUSCAR
BUSCAR
Desistência
Após críticas, Trump volta atrás sobre tentar mudar data de eleição nos EUA
Presidente americano manteve a critica sobre a votação por correio.“Quero ver uma mudança de data? Não, mas não quero ver uma eleição torta”, disse
Redação
31/07/2020 | 16:17

Depois de receber críticas da oposição e até mesmo de seu próprio partido por sugerir o adiamento das eleições presidenciais americanas, num momento em que está em baixa nas pesquisas, o presidente Donald Trump voltou atrás em suas declarações no fim da noite da quinta-feira (30). Ele, no entanto, voltou a criticar a votação por correio.“Quero ver uma mudança de data? Não, mas não quero ver uma eleição torta”, disse.

“Quero uma eleição e um resultado, muito, muito mais do que vocês”, acrescentou Trump a repórteres na Casa Branca. “Não quero adiar. Quero ter a eleição. Mas também não quero esperar três meses e depois descobrir que as cédulas estão faltando, e a eleição não significou nada.”

Trump autoridade para adiar a data da votação. Pela Constituição dos EUA, o dia da eleição – em 2020, marcada para 3 de novembro – é definido pelo estatuto do Congresso, e a maioria dos especialistas concorda que não pode ser alterado pelo presidente sem a aprovação dos legisladores. Trump não tem a maioria necessária na Câmara dos Representantes para isso e, mesmo no Senado, dificilmente todos os senadores da maioria republicana chancelariam o projeto.

Não há evidências de que a votação por correio nos EUA seja fraudada. Anteriormente, Trump já havia alimentado o medo e lançado as bases para questionar os resultados das eleições de 2020, promovendo a ideia de que esse tipo de voto leva a desvios generalizados.

O tuíte foi publicado após uma série de pesquisas recentes em estados-chave – incluindo alguns em que ele venceu com folga em 2016 – o mostrarem atrás ou praticamente empatado com o democrata Joe Biden, seu adversário na disputa pela casa Branca.

As pesquisas indicam também uma desaprovação generalizada com a forma como Trump lidou com a pandemia do novo coronavírus.

*Com informações da CNN Brasil

Sede: Av. Hermes da Fonseca, 384 – Petropolis – Natal – RN – Cep. 59020-000
Telefone: (84) 3027-1690 / 3027-4415
Redação: (84) 98117-5384 - [email protected]
Comercial: (84) 98117-1718 - [email protected]
Copyright Grupo Agora RN. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização prévia.